Rádios On-line
CLÁSSICO

São Paulo e River Plate fazem partida decisiva, hoje, no Morumbi

Duelo é visto como um dos mais importantes da temporada da Libertadores

13 ABR 2016 - 07h:59Por Valdecir Cremon

Tricampeões da Libertadores da América, São Paulo e River Plate ficarão frente a frente na noite desta quarta-feira (13) em duelo que promete ser um dos mais empolgantes da temporada. Diante do atual vencedor do torneio continental, o Tricolor contará com a força das arquibancadas do Morumbi para definir o seu futuro no Grupo 1 e confirmar a sua reação na disputa pelo tetracampeonato. Com expectativa de casa cheia – maior público do ano -, o time são-paulino contará com a mística que o estádio e a competição proporcionam aos torcedores.

A torcida esgotou no início da noite da última segunda-feira (11) toda a carga disponibilizada pelo sistema de venda de ingressos, e a promessa é de grande público para um dos maiores clássicos da América do Sul. São cerca de 42.500 ingressos vendidos via Total Acesso ao público, que somados aos camarotes corporativos e comerciais em funcionamento, tribunas, cativas, setor visitante, gratuidades e ingressos institucionais podem levar quase 60.000 pessoas ao Morumbi.

E se nas arquibancadas o reforço já está garantido, dentro das quatro linhas o Tricolor terá um goleador inspirado. Artilheiro da Libertadores até aqui, com cinco gols ao lado de Ismael Sosa (Pumas-MEX), o argentino Jonathan Calleri está novamente à disposição do técnico Edgardo Bauza. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo no Campeonato Paulista, o atacante não pôde encarar o São Bento (0 x 1) no último final de semana, em Sorocaba, mas agora está liberado para atuar novamente.

“É muito importante ter o apoio da nossa torcida, porque nos sentimos respaldados. Será um jogo difícil, mas ter o incentivo do nosso torcedor nos ajudará bastante. Creio que se estamos juntos podemos botar pressão no River e usar isso a nosso favor. Ter a torcida ao nosso lado será importante para buscar a vitória, porque vamos entrar em campo com a meta de conquistar os três pontos”, avaliou o centroavante, que completou.

“É uma partida importante para a gente. Vamos jogar a nossa classificação, e temos gana para seguir adiante. Claro, precisamos melhorar em alguns aspectos, mas com gana e atitude podemos vencer o River e buscar a classificação. Temos que ter tranquilidade, porque uma vitória nos deixará perto da vaga. Depois, vamos para a Bolívia (enfrentar o The Strongest) na rodada final e decidir o nosso futuro em busca das oitavas de final”, finalizou Calleri.

Além do camisa 12, Maicon, Rodrigo Caio, Hudson e Paulo Henrique Ganso também reforçarão o time. Os cinco não enfrentaram o São Bento (0 x 1) no último final de semana, em Sorocaba, pelo Campeonato Paulista: Calleri cumpriu suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo, enquanto os outros quatro foram preservados pelo experiente comandante, que terá alguns desfalques para medir forças os argentinos.

O goleiro Renan Ribeiro (aprimora a forma física após se recuperar de cirurgia por apendicite), o zagueiro Breno (tendinite no joelho direito), o lateral-esquerdo Carlinhos (estiramento no posterior da coxa esquerda), o meia-atacante Daniel (trauma no joelho direito) e o jovem Lyanco (Seleção Brasileira Sub-20) não estão à disposição de Patón.

SÃO PAULO x RIVER PLATE

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 13/04/2016 (quarta-feira)
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Andrés Cunha (URU)
Auxiliares: Carlos Pastorino e Nicolas Taran (ambos do URU)

SÃO PAULO: Denis; Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, João Schmidt, Kelvin, Ganso e Michel Bastos; Calleri. Técnico: Edgardo Bauza.

RIVER PLATE-ARG: Barovero; Mercado, Mammana, Balanta e Vangioni; Mayada, Domingo, Nacho Fernández e D’Alessandro; Rodrigo Mora e Alario. Técnico: Marcelo Gallardo.

Deixe seu Comentário