Rádios On-line
7916

União Europeia diz que 3 milhões de sírios têm dificuldade de acesso a alimentos

12 SET 2012 - 10h:00Por Redação

 A chefe da área de cooperação internacional e de ajuda humanitária da União Europeia, Kristalina Georgieva, disse hoje (12) que cerca de 3 milhões de sírios precisam de assistência alimentar. Segundo ela, essas pessoas não estão conseguindo receber alimentos. De acordo com Kristalina, a intensificação dos combates impede a ação humanitária. Ela apelou para que o governo e a oposição sírias cooperem e respeitem as leis de guerra.

A representante da União Europeia apelou ao governo sírio e à comunidade internacional. Segundo ela, é necessário pressionar o presidente sírio, Bashar Al Assad, e a oposição para respeitarem as leis da guerra, a fim de preservar a vida dos civis e não disparar contra ambulâncias. Ela ressaltou também que é fundamental garantir a evacuação das áreas onde há feridos e autorizar o ingresso da ajuda humanitária nas regiões de conflitos.

Há 18 meses, a Síria está sob clima de guerra. Cerca de 25 mil pessoas morreram, segundo organizações não governamentais (ONGs). Os conflitos começaram a partir de exigências da oposição para a renúncia de Assad, a abertura política e o fim das violações de direitos.

Deixe seu Comentário

JORNAL DO POVO

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
7300