Rádios On-line
DANOS AO MUNICÍPIO

Ex-vereador que afirmou que 'quem fala mal de vereador é vagabundo' terá de devolver dinheiro à Câmara

José Souto teria efetuado pagamento de diárias durante recesso de vereadores, além de outras irregularidades

9 MAR 2017 - 20h:35Por Leonardo Guimarães

O ex-vereador José Souto Silva (PSDB), conhecido como “Zé Carioca”, terá de devolver aos cofres públicos de Paranaíba (MS) a quantia de R$ 100.105,24. A determinação foi dada pelo conselheiro do Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul, Iran Coelho das Neves.

No processo TC/15800/2013 analisado pelo Tribunal, o conselheiro considerou que durante o período em que José Souto foi presidente da Câmara Municipal de Paranaíba, período de 2 de janeiro a 31 de dezembro de 2012, foram cometidas irregularidades e procedimentos ilegais nas contas da casa, o que causou danos ao município.

Zé Carioca teria efetuado pagamento de diárias a vereadores em pleno período de recesso parlamentar, também pagamento de despesas a título de “subsídios” por dias não trabalhados e despesas efetuadas.

Além de devolver R$ 100.105,24 aos cofres públicos, quantia equivalente ao valor das diárias e subsídios ilegais concedidos a vereadores naquele período, Zé Carioca deverá pagar uma multa de R$ 7.422,00, por ter cometido atos administrativos causadores de danos ao município, enquanto foi presidente da Câmara Municipal de Paranaíba.

Polêmica

Em fevereiro de 2016, José Souto foi alvo de críticas após afirmar em tribuna que “quem fala mal de vereador é vagabundo e safado”. A declaração foi dada durante a sessão do dia 22, em defesa de uma vereadora, após ela ter se queixado de críticas de internautas em uma rede social.

A fala do vereador repercutiu entre os eleitores de Paranaíba e região. Nas redes sociais, as críticas contra os vereadores, especialmente Zé Carioca, aumentaram depois do discurso.

Zé Carioca não foi reeleito nas eleições de outubro do mesmo ano.

Deixe seu Comentário