Definir Paranaíba como sua cidade padrão?

Sim Não
Rádios On-line
8354
SEBRAE SEMANA DE CRÉDITO
DEMORA

Fila para agendar exame gera revolta em Paranaíba

O exame é agendado somente uma vez por mês e para atendimento no mês seguinte

9 OUT 2017 - 09h:56Por Talita Matsushita

A saúde pública do Brasil sofre com a falta de recursos. A estrutura disponível não é suficiente para atender dignamente uma sociedade que busca diariamente tratamento digno para suas doenças. Em Paranaíba, a fila para conseguir um exame de ultrassonografia tem gerado revolta na população. O exame é agendado somente uma vez por mês e para atendimento no mês seguinte. A necessidade tem exigido esforço redobrado por parte de quem precisa conseguir um diagnóstico médico no município.

Para conseguir a vaga, o desafio é superar as longas filas que se formam em frente ao Centro de Especialidades da Saúde da Mulher. Os exames são realizados no mesmo local onde três médicos fazem o atendimento de 300 pessoas por mês.

As filas costumam se formar porque a agenda é aberta sempre na última semana do mês para a distribuição das fichas do exames que serão feitos no mês seguinte. A rotina cansativa ganhou repercussão depois que um vídeo postado na internet revelou a situação, gerando revolta por parte de quem depende do serviço público de saúde.

As imagens e comentários movimentaram a cidade. Algumas pessoas classificaram como absurdas as dificuldades enfrentadas pelos pacientes. De acordo com a postagem um único dia foi aberto para que fossem agendados todos os atendimentos para o mês de outubro, o que teria gerado a grade fila. Ainda segundo as informações, muitas pessoas chegaram durante a madrugada para garantir uma autorização.

De acordo com os internautas, idosos e mulheres gravidas tiveram que passar horas ao sol, sem que fosse cumpridas as leis que garantem atendimento especial. “O que eu fico mais indignada é que na época da eleição prometem tudo e a população mais uma vez é enganada”, postou uma internauta.

Segundo a secretária de Saúde, Débora Queiroz, por uma questão de organização administrativa os agendamentos de exames de ultrassonografia eram realizados em uma única data, hábito que já vinha acontecendo em gestões anteriores. “Os exames eram agendados uma vez ao mês para o período subsequente para que não houvesse tanta perca e falta nos agendamentos em razão de datas estendidas”, disse. 

 

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6651