Rádios On-line
8935
LINHA MESTRE

Miziara recua e revoga decreto de transporte

Depois de protestos de pais, mães e alunos,prefeito revogou o decreto de sua autoria

3 MAR 2018 - 13h:06Por Talita Matsushita

O secretário de Governo da Prefeitura de Paranaíba, Juvenal Neto, anunciou, ontem, a revogação do decreto que constituía que os ônibus só podiam pegar os alunos na porta de casa em casos que a estrada de acesso superasse três quilômetros da área urbana da cidade. 

O novo texto deve ser publicado na próxima semana, segundo previsão do secretário. Depois de protestos de pais, mães e alunos, na última segunda-feira (26), na Praça da República, Câmara e Prefeitura, o prefeito Ronaldo “Miziara” de Lima  (PSDB) revogou o decreto de sua autoria.

Juvenal Neto afirmou que a decisão foi tomada após reunião com a equipe da Educação.
O setor de Educação informará aos pais a partir de quando a mudança passará a vigorar. As mães se organizaram em um movimento denominado “Mães Amorosas” que publicou vídeos em rede social relatando a situação para chegarem até a linha mestre. 

PAPEL
Uma alteração e o acréscimo de outros dispositivos no decreto de lei de 7 de janeiro de 2014, que regulamenta o transporte coletivo escolar rural, gerou revolta por parte de algumas famílias moradoras dessas áreas. De acordo com  o procedimento, os ônibus escolares só poderiam buscar ou deixar os alunos na entrada das propriedades nos casos em que estes estudantes sejam portadores de algum tipo de deficiência ou a distância ultrapassar 3 km. Fora destes casos, os motoristas estavam proibidos de trafegarem fora da linha mestra.

Em rede social, o prefeito disse que ficou sensibilizado. “Sensível ao apelo das mães, pais, alunos e depois de ouvir a nossa equipe e também o Ministério Público Estadual decidi revogar o Decreto nº 303 de 27 de dezembro de 2017, que alterava a legislação municipal sobre o transporte escolar, no tocante à distância de 3 km e baixamos para 2 km”, diz texto da postagem.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13