Rádios On-line
8934
ABANDONO

Moradores reclamam de aparição de cobras no Jardim Brasília

Esta semana, uma moradora matou uma cobra que saiu de um dos terrenos da região

30 NOV 2018 - 16h:21Por Talita Matsushita e Lucas dos Anjos

Moradores da rua Emílio Ferraz no Jardim Brasília, em Paranaíba, têm vivido dias tensos por conta do mato alto em terrenos baldios na região. Esta semana, uma moradora matou uma cobra que saiu de um destes lotes. A via, que não é asfaltada, alaga nas épocas de chuva e no tempo seco a poeira incomoda os paranaibenses.

A funcionária pública Eni Machado de Paula, 33 anos, conta que não é a primeira vez que mata um animal peçonhento na região, neste ano foi a terceira vez. Com dois filhos de 5 e 2 anos, ela se preocupa com a tragédia que pode ocorrer caso uma de suas crianças tenha contato com uma cobra, por exemplo.

“Queremos saber pelo menos o que pode ser feito por parte da Prefeitura. O mato está muito grande e só são limpos quando tem reclamação. Se a gente não reclama demora muito e não acontece nada”, destacou.

A moradora ainda explica que já fez vários pedidos, entre eles o asfaltamento, pois quando chove a lama entra em sua casa e causa transtornos. “Está difícil, não dá nem para deixar as crianças soltas no quintal, pois não sei o que eles podem encontrar”, observou.

Joyce Carolaine, 21 anos, moradora da região também reclama da falta de presença do Poder Público no local, principalmente com relação a tomada de atitudes. Além de cobras, ela relata a existência de sapos e escorpiões. Na época de estiagem o problema enfrentado é a poeira e no caso dela que é alérgica o sofrimento é maior.

“Temos problema de quando chove não conseguir sair de casa, minha irmã por conta da chuva ficou ilhada e não pôde ir na faculdade, e corre o risco de reprovar de uma matéria na universidade”, disse.

Ela pede que o prefeito pense nas crianças, que não podem ter liberdade para brincar. “Não queremos matar outra cobras, se tem uma pode ter mais”, finaliza.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13