Rádios On-line
9246
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Polícia registra quatro casos de violência doméstica no fim de semana

O primeiro caso foi registrado na tarde de sexta-feira, no bairro Santo Antônio

7 OUT 2019 - 07h:41Por Talita Matsushita

Em um final de semana marcado por um feminicídio, quatro mulheres registraram boletim de ocorrência de ameaça e violência doméstica em Paranaíba. O primeiro caso foi registrado na tarde de sexta-feira, no bairro Santo Antônio.

Conforme boletim de ocorrência, um homem de 38 anos chegou em casa, na rua Doutor Antonio Pelai totalmente alterado devido o uso de substâncias psicoativas, segundo a esposa, uma mulher de 26 anos, dizendo que iria matar alguém, que em seguida falou que iria dar um tiro na mesma.

O segundo caso foi registrado na manhã de sábado (5), quando uma mulher de 22 anos disse ter sido espancada pelo marido, um homem de 28 anos de idade, em sua casa, que não teve o endereço divulgado pela Polícia.

Consta no boletim de ocorrência que a mulher ligou para uma amiga e pediu que fosse até a casa dela, pois a mesma estava sentindo dores, ao chegar na casa da vítima a amiga teria se deparado com o portão estava trancado e a chave estava com seu companheiro, que estava trabalhando. A amiga então foi até o trabalho dele e pegou a chave.

Ao entrar na residência, encontrou a mulher toda machucada e ela disse que  tinha sido espancada pelo companheiro e ainda lhe ameaçou de morte. A amiga então encaminhou a vítima até à Santa Casa e a mesma estava internada com várias lesões no corpo inteiro.

Outro caso foi registrado no final da tarde de sábado (5), por volta das 17h45, por uma mulher de 52 anos de idade, que reside em uma fazenda, nas proximidades do Boteco do Arlindo, ela contou aos policiais que convive com o esposo, 51 anos, há aproximadamente cinco anos, porém desde o começo do relacionamento ele lhe agrediu, e ela não registrou ocorrências por medo das ameaças de morte.

A mulher contou que no sábado pela manhã após ser agredida novamente pelo referido autor, tomou a decisão, pedindo para sua filha ir busca-la e lhe denunciar as agressões. Ela relatou ainda que já foi agredida várias vezes com socos e também com facas.

O último caso foi registrado no domingo, por volta das 11h37, quando uma mulher de 23 anos, acusou o marido, de 19 anos de idade de tê-la agredido  chutes e golpes com vassoura. Segundo boletim de ocorrência, devido problema com o local para almoçar no domingo seu amásio lhe agrediu com chutes na perna esquerda, causando inchaço na coxa, torção na mão esquerda causando dores e provável deslocamento do ultimo dedo, e ainda desferiu um golpe de vassoura em sua boca, causando lesões no lábio superior.  As agressões ocorreram na residência do casal, localizada na Avenida Rio de Janeiro, no bairro de Lourdes.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13