Rádios On-line
PARANAÍBA

Produtor rural flagra fogo próximo ao aterro sanitário

No ano passado mais 200 hectares de terras foram destruídos por um incêndio, que proprietários rurais acreditam ter iniciado no local

17 FEV 2021 - 13h:51Por Alex Santos

Mais um flagrante de fogo colocado em lixos foi registrado na terça-feira (16) por um produtor rural, em uma área próximo ao Aterro Municipal, na Estrada Vicinal Belmiro Ferraz, em Paranaíba. No vídeo enviado a redação do JPNEWS mostra as chamas consumindo uma “montanha” de materiais descartados, entre pneus e galhos de árvores, produzindo uma fumaça preta e tóxica na região.

Preocupado com o plantio de cana-de-açucar em sua propriedade rural e fazendas nas proximidades, o produtor rural que filmava o flagrante relembrou um incêndio de grandes proporções ocorrido no ano passado e cobrou fiscalização, além de proibição da prática no local.

Acompanhe:

Relembre

No dia 26 de setembro de 2020 mais de 200 hectares de terras foram destruídos por um incêndio na região. Aproximadamente seis propriedades rurais próximas à Estrada Vicinal Belmiro Ferraz, na região do aterro sanitário, foram atingidas pelas chamas. Além das pastagens, animais tiveram queimaduras causadas pelo fogo.

Na época, Francisco Abadio dos Santos, de 68 anos, proprietário da Fazenda Cachoeira, uma das áreas atingidas pelo incêndio, levantou suspeitas de que o fogo tenha iniciado na área ao lado do aterro sanitário do município. No local é realizado o descarte de galhadas proveniente de podas. O produtor rural estimou um prejuízo de cerca de R$ 400 mil, com alimentação para o gado e reparação das cercas danificadas pelo fogo.

Segundo o engenheiro ambiental, Paulo Sérgio Gomes, filho de Francisco, as chamas se alastraram rapidamente destruindo diversas propriedades da região e áreas de proteção. Produtores rurais afetados pelo fogo pretendem entraram na justiça com ação coletiva para averiguar o tamanho dos danos materiais, ambientais e responsabilização do ocorrido.

Veja:

Deixe seu Comentário