Rádios On-line
INDUSTRIALIZAÇÃO

Qualificação é desafio em Paranaíba

A industrialização em Paranaíba passa por diversos desafios

15 MAI 2021 - 09h:30Por Talita Matsushita

A industrialização em Paranaíba passa por diversos desafios. O principal deles é a qualificação da mão de obra para as empresas que querem consolidar os negócios no município. Os desafios vão além da linha de produção e passam ainda pelos serviços que as indústrias oferecem.

Há dez anos no mercado de fabricação de roupa de cama de malha, a Raddi Confecções tem a fábrica instalada em Paranaíba pelo mesmo período. Os empresários Rigor Aleqssander e Sarah Raddi investem para inaugurar o novo prédio para instalação da fábrica ainda em 2021.

Atualmente, a empresa tem 25 funcionários, entre linha de produção e revendedores, além dos empregos indiretos que são gerados a partir do negócio. “Fico feliz quando nossas clientes revendedoras contam que conseguem fazer as despesas de casa com a comissão que ganha, comprar seu veículo. Abre portas para gerar renda. Em Paranaíba, é preciso qualificar as pessoas e fortalecer o setor. O município precisa olhar para os pequenos”, disse Rigor.

Eles contam que, em Paranaíba, falta qualificação da mão de obra, tanto para a linha de produção, quanto na oferta de serviços de reparos das máquinas. “Viemos com a intenção só de indústria, mas depois veio a necessidade de abrir uma loja, por ser direto da fábrica, pois o preço era melhor para o consumidor”, pontuou Sarah.

A produção da indústria atende todo Estado, além de Goiás, Minas Gerais e parte de São Paulo. O projeto de ampliação teve início com recursos do FCO (Fundo Constitucional do Centro Oeste) e do Banco do Brasil. A inauguração deve ocorrer neste ano. Os empresários destacaram que somente com o financiamento conseguiriam a ampliação. “O comércio e a indústria precisam desse incentivo e desse capital, e o Banco do Brasil está viabilizando”. 

Deixe seu Comentário