Rádios On-line
SOLIDARIEDADE

Sem gás de cozinha e poucos alimentos, família pede ajuda da população

A família necessita de doações de alimentos e outros itens essenciais para sobrevivência

28 MAI 2019 - 14h:57Por Alex Santos

Roseli Cardoso, 41 anos, desempregada, mãe de três adolescentes e grávida de quatro meses, se mudou com a família de Aparecida do Taboado para Paranaíba, após o esposo receber uma proposta de emprego, que acabou não se concretizando. Na residência simples e de alvenaria, localizada na rua Araxá IV, Bairro Daniel V, os poucos alimentos que restam na despensa, além da falta de um botijão de gás, onde as refeições diárias da família acabam sendo preparadas em um fogão a lenha improvisado no quintal, preocupa a gestante que também enfrenta problemas na gravidez.

Com algumas dificuldades na gestação que a impossibilitam de buscar um emprego, Roseli conta que o sustento da família é obtido por meio de serviços temporários que o esposo realiza no município. “No meu caso a gestação não está fácil, estou com um problema na minha gravidez e tenho que ter um acompanhamento rigoroso e não posso trabalhar. Meu esposo está vivendo de ”bicos”, quando aparece. Nossa situação é crítica!”, desabafou.

Roseli também espera o surgimento de uma vaga de trabalho fixo para esposo no município, pois moram há dois meses de aluguel na residência, porém, está há dias em atraso. “Queria mais um emprego para meu esposo, que trabalha com parte elétrica, instalação elétrica em casas. O que aparecesse para ele seria ótima nesse momento” contou.

Ainda de acordo com Roseli, além dos alimentos e o gás de cozinha, uma das necessidades da família é a doação de agasalhos para os filhos de 11, 13 e 16 anos, além de móveis para a família, um berço para o filho que espera e uma geladeira para conservar os alimentos. “Se alguém tiver cama de solteiro, guarda-roupa que não usa ou um berço. O que a pessoa puder doar e sentir no coração de doar, eu vou ficar muito contente” disse.

Os interessados em realizar doações de alimentos, ou outros itens de necessidade da família, podem entrar em contato pelo telefone (67) 9 9868-4744, com a Roseli Cardoso, ou Fernanda Navega, por meio do WhatsApp (67) 9 9992-9405, e na rua Araxá IV, Bairro Daniel V – 600.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13