Rádios On-line
LEVANTAMENTO

Cinco pessoas são brutalmente assassinadas somente neste ano

Número é igual ao total registrado entre janeiro e março do ano passado na cidade, segundo a Polícia Civil

19 MAR 2016 - 08h:45Por Kelly Martins

Cinco pessoas foram assassinadas, em Três Lagoas, entre janeiro e março deste ano. O quinto homicídio ocorreu no início da noite desta sexta-feira, 18. Um homem de 38 anos foi morto com um tiro na cabeça, em frente a um, no bairro Jardim Oiti.

Com mais este crime, o número de assassinatos se iguala ao do mesmo período de 2015. Mas, ainda é menor que os registrados no ano anterior: oito. 

Um dos casos deste ano foi de latrocínio (roubo seguido de morte). O quinto homicídio teve como vítima o pedreiro  Márcio Antônio Soares de Freitas. Até a publicação desta reportagem, a polícia não tinha pistas do assassino.

A Delegacia Regional da Polícia Civil da cidade abriu inquéritos para investigar os crimes e apenas um deles foi concluído, com autoria esclarecida. 

O levantamento aponta também que dois casos foram registrados como morte a esclarecer porque a polícia ainda apura fatos, ocorridos nos dias 3 e 25 de janeiro, para abrir inquérito.

Um deles ocorreu na segunda-feira (14), quando um comerciante, de 59 anos, foi morto a tiros na frente da esposa. A empresa dele foi invadida por cinco assaltantes. A vítima reagiu e foi atingida nas costas. 

Os suspeitos fugiram com a caminhonete do comerciante. Um adolescente de 16 anos foi apreendido por envolvimento no latrocínio e os outros criminosos - foragidos - foram identificados pela polícia. 

Em 5 de março, o corpo de um homem de 20 anos foi encontrado com um tiro na cabeça, na estrada que dá acesso ao Porto de Areia. Ele foi reconhecido por meio de uma tatuagem. A vítima tinha passagens pela polícia por furtos e uma tentativa de homicídio. 

No bairro Alto da Boa Vista, um morador de 57 anos foi encontrado morto com três tiros dentro da própria residência, no dia 12 de janeiro.  Não há pistas do assassino.

No dia 1º de janeiro, um rapaz, de 20 anos, foi morto a tijoladas no bairro Mirassol. Há dois suspeitos. 

Deixe seu Comentário