Rádios On-line

Grupo criminoso faz ataques em série e polícia "fecha a cidade"

Os bombeiros receberam seis denúncias de carros incendiados

14 MAR 2013 - 11h:16Por Redação

O Corpo de Bombeiros registrou quatro veículos incendiados nesta noite, em vários pontos de Campo Grande. O primeiro ataque aconteceu em um Fiat Uno, estacionado na Avenida Afonso Pena com a José Antonio, o segundo foi registrado em frente a Igreja São José, na Pedro Celestino, outro na Pedro Celestino esquina com Afonso Pena e, às 21h40min, um veículo foi incendiado na 7 de Setembro, em frente ao Shopping 26 de Agosto. Neste último caso, a ação foi diferente das anteriores. Os suspeitos quebraram o vidro do carro e atiraram um coquetel molotov (artefato incendiário) dentro do carro. Segundo bombeiros, chuva e populares ajudaram no combate às chamas.

Os bombeiros receberam seis denúncias de carros incendiados, porém três delas não se confirmaram. Uma Kombi pegou fogo após um acidente por problemas elétricos e uma Blazer teve apenas a mangueira de combustível cortada, mas não foi incendiada.

Testemunhas relataram dois suspeitos. Um estaria com uma camisa rosa e outro com camisa verde e mochila. Conforme os bombeiros, eles cortaram a mangueira de combustível e ateavam fogo. Em todos os casos, os danos foram superficiais, sendo que em um deles o próprio dono do veículo conseguiu apagar.

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Wantuir Jacini, informou que todas as saídas da cidade serão bloqueadas. A informação é de que há envolvimento de organização criminosa, mas não há confirmação de que seja o PCC.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel David, informou que o policiamento foi reforçado e que as equipes estão empenhadas na busca aos suspeitos.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13