Rádios On-line
8162
Prefeitura 102 Anos
ALI, ROTAI E PELOTÃO DE TRÂNSITO

Irmãos do Vila Alegre são presos em flagrante por tráfico de drogas

Ferramentas de borracharia e notebook foram encontrados na casa dos dois suspeitos

12 JUN 2017 - 10h:22Por Celso Daniel

A Polícia Militar de Três Lagoas através do Serviço de Inteligência, Rotai e Pelotão de Trânsito conseguiram desarticular um esquema de venda de drogas em duas residências localizadas no bairro Vila Alegre em Três Lagoas. 

Segundo informações do boletim de ocorrência, no domingo (11) por volta das 22h, a polícia recebeu denúncias anônimas de que dois irmãos, conhecidos como “Branco” de 28 anos e “Wandinho” de 19 anos estariam praticando a venda de entorpecentes em dois endereços. Uma casa é localizada na Rua Netuno e outra na Rua Alaor Pimenta de Queiroz no bairro Vila Alegre.

Através dessa denúncia, os policiais do Serviço de Inteligência começaram a realizar um monitoramento e a equipe percebeu que conhecidos usuários de drogas entravam e saiam das casas, fortalecendo a suspeita de que os irmãos pudessem estar praticando a venda de entorpecentes.

Foi solicitado então o apoio de uma equipe da Rondas Ostensivas e Táticas do Interior (Rotai) e deu uma equipe do Pelotão de Trânsito, ambas da Polícia Militar de Três Lagoas.

Em determinado momento, um usuário de 43 anos foi abordado pelos policiais ao sair da casa de “Wandinho”, localizada na Rua Netuno e com ele foi encontrado um cigarro de maconha. Questionado, o usuário disse que comprou o cigarro na casa do suspeito. Foi então que as três equipes se dividiram em dois grupos e “Wandinho” foi abordado em frente à residência. Ele logo negou que estaria praticando a venda de entorpecentes e permitiu que os policiais realizassem uma busca minuciosa dentro da casa. Ele alegou que estava morando há poucos dias na residência e disse que o imóvel era utilizado pelo irmão “Branco” anteriormente.

Durante a vistoria, os policiais encontraram dentro de uma churrasqueira, uma pedra de crack e petrechos para embalar o entorpecente, além de uma chave de impacto pneumática e um cilindro de ar comprimido de impacto, utilizados em borracharias para tocar pneus de caminhões e carretas. Foram encontrados também pastilhas de freios. Certa quantia em dinheiro também foi encontrada pelos policiais, assim como um notebook, uma tv e outros produtos sem procedência que a polícia acredita que foram trocados por entorpecentes.

Quando os policiais perguntaram sobre o entorpecente e o material encontrado na casa, “Wandinho” disse que não sabia de nada a respeito do material e novamente alegou que havia mudado para a residência a poucos dias e que tudo poderia ser do irmão dele, o “Branco”. “Wandinho” foi detido pelos policiais para prestar esclarecimentos.

NA OUTRA CASA

Já no outro endereço denunciando para os policiais, “Branco” foi abordado quando chegava na residência e a exemplo do irmão “Wandinho”, negou estar praticando a venda de entorpecentes. Ele autorizou a entrada dos policiais na residência localizada na Rua Alaor Pimenta de Queiroz e dentro do imóvel estavam alguns usuários de drogas, entre eles, “Caveirinha” que é um dos mais conhecidos no meio policial. Ele estava de posse de um cachimbo artesanal utilizado para consumir crack.

Durante a vistoria no imóvel, foi encontrada porções de maconha, mas “Branco” negou ser o proprietário do entorpecente. Foi encontrada também certa quantia em dinheiro.

Questionado a respeito das ferramentas e das pastilhas de freio encontradas na casa de “Wandinho”, “Branco” confessou que o material foi furtado de uma residência localizada no Bairro Jupiá e que ele pretendia vender posteriormente.

Todos os envolvidos foram detidos e levados a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) para as providências legais. “Wandinho” e “Branco” foram autuados em flagrante por tráfico de drogas.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6529