Rádios On-line
EM TRêS LAGOAS

Jovem faz compras com notas falsas e acaba preso

Pelo menos três vítimas foram identificadas

30 MAI 2017 - 00h:23Por Celso Daniel

Um jovem de 22 anos foi preso pela Polícia Militar de Três Lagoas depois que o suspeito repassou notas falsas em pelo menos três estabelecimentos da cidade. Uma das vítimas divulgou imagens em rede social e o suspeito voltou no comércio para tentar se livrar do flagrante.

Segundo informações do boletim de ocorrência, na tarde desta segunda (29) por volta das 18h o suspeito foi até uma sorveteria localizada na Avenida Rosário Congro e pagou uma compra de R$ 15,00 com uma nota de R$ 100,00 e saiu rapidamente do local. Inicialmente funcionários não perceberam a falsificação, mas minutos depois o proprietário descobriu que a nota era falsificada e através das imagens do circuito de segurança, identificou o jovem de 22 anos e o comerciante postou as imagens em rede social.

Rapidamente a postagem repercutiu e um amigo do suspeito avisou o jovem de 22 anos que decidiu voltar a sorveteria e disse que ele não sabia que a nota era falsa e iria devolver o troco e pagar a conta.

O que o jovem não esperava era de que o proprietário de uma loja de açaí, que fica ao lado da sorveteria, reconheceu também o suspeito que repassou outra nota do mesmo valor na segunda (22), agindo da mesma maneira. A Polícia Militar foi chamada e uma equipe da Rádio Patrulha composta pelo sargento Ozias e cabo Senna foram até o estabelecimento para verificar a denúncia.

Chegando ao local, os policiais ouviram as vítimas e a mãe do suspeito chegou no local e disse que ela quem deu as notas ao filho para que ele pudesse fazer compras. Ela alegou que também é comerciante, e que recebeu as notas, mas não conseguiu descobrir que eram falsificadas.

A equipe da Rádio Patrulha solicitou o apoio do Serviço de Inteligência da Polícia Militar e uma rápida investigação foi feita. Os policias descobriram que o jovem de 22 anos fez outras compras com notas falsas. Uma em uma farmácia e outra em uma loja que também comercializa açaí, mas as notas não foram recolhidas, pois os estabelecimentos estavam fechados. A polícia foi informada de que esses estabelecimentos também tem imagens do suspeito dentro das lojas fazendo compras no dia em que as notas foram repassadas nos caixas.

O jovem recebeu voz de prisão e foi levado para a sede da Polícia Federal de Três Lagoas.

NUMERAÇÃO DAS NOTAS

A Polícia Militar recolheu as duas notas falsificadas e através de teste com caneta especial foi comprovada a falsificação. Outro ponto que chama a atenção é de que as duas notas tem a mesma numeração.

Através disso a polícia acredita que - caso as outras notas tenham a mesma numeração - o dinheiro possa ter sido falsificado em série.

As vítimas reconheceram o suspeito e o jovem ficou detido na sede da Polícia Federal. 

 

Deixe seu Comentário