Rádios On-line
9248

Retrato Falado com mais realismo no MS

A tecnologia possibilita maior realismo na descrição dos rostos dos procurados pela justiça

26 JAN 2009 - 08h:14Por Redação

O Instituto de Identificação do Estado disponibiliza de um dos mais modernos meios de representação facial do País. O órgão da Coordenadoria Geral de Perícias (CGP) da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) vem executando desde o mês de agosto os retratos falados dos criminosos neste novo sistema. A tecnologia possibilita maior realismo na descrição dos rostos dos procurados pela justiça.

“O sistema produz retratos muito reais e bastante fiéis a realidade”, ressalta o perito papiloscopista, Rubens Cyles Pereira, responsável pela confecção dos retratos falados. “Como ainda tem pouco tempo que estamos com este novo sistema, desde agosto, foram feitos nove retratos. Destes, três foram positivados, ou seja, o procurado foi localizado e preso”, explica Rubens.

“Comparando a foto real do preso e o retrato confeccionado pelo instituto fica muito perceptível a semelhança, como cor de pele, formato da boca, do rosto, etc”, afirma o perito papiloscopista. De acordo com Cyles, os retratos são solicitados pelos delegados de polícia e produzidos pelos peritos do Instituto de Identificação. 

O sistema disponibiliza de biotipos pré-definidos, como sexo, formatos de face, cabelo, entre outros. De acordo com as informações cedidas pela testemunha é que são feitas as alterações nos retratos produzidos, como um retrato falado tradicional, porém com ferramentas digitais. “Os tipos físicos disponíveis no sistema está sendo atualizado com mais características, principalmente de pessoas daqui do Estado”, esclarece Cyles.

Três peritos do Estado participaram de um curso para a aplicação do novo sistema de representação facial. A capacitação aconteceu em Brasília em agosto do ano passado. Hoje, segundo Rubens, a expectativa é de que mais peritos conheçam o sistema através de cursos oferecidos principalmente no interior do Estado, o que deve acontecer nos próximos meses.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13