Rádios On-line
8504
Prefeitura PROREME 10 a 3011

Simulação de vazamento de gás no Distrito Industrial

Na simulação de vazamento e explosão, uma pessoa morreu e outra teve ferimentos graves.

21 NOV 2008 - 07h:20Por Carlos Alberto

Uma retroescavadeira desgovernada invadiu, na manhã de ontem (20), uma subestação redutora de pressão de gás, da MsGás, no Distrito Industrial. O acidente causou a morte de um trabalhador, deixou outro com ferimentos graves e uns quatro populares, que passavam pelo local, sentiram-se mal e desmaiaram com o vazamento de gás.
A ocorrência foi notada por trabalhadores de uma indústria vizinha à subestação redutora da MsGás, que ligaram para o número 193 do Corpo de Bombeiros, usando um telefone celular.
Chegando ao local e percebendo a gravidade do acidente, o comandante do Trem de Socorro do Corpo de Bombeiros, formado por três viaturas (Auto Bomba Rápida, Ambulância da Unidade de Resgate e um caminhão Auto Bomba Tanque) logo se comunicou com a direção da MsGás, Polícia Militar e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).
O primeiro procedimento dos Bombeiros, usando máscaras de oxigênio, jatos de água e roupas apropriadas contra as chamas, foi prestar socorro às vítimas e retirá-las do local. Enquanto isso, outras equipes dos Bombeiros isolaram a subestação com faixas de segurança, alertando os curiosos quanto ao perigo a que estavam sujeitos se não permanecessem à distância.
Logo que tomou conhecimento do acidente, a estatal MsGás enviou uma equipe técnica ao local para se colocar também à disposição dos Bombeiros. O primeiro procedimento foi fechar os registros do gasoduto que abastece a subestação redutora de pressão de gás. Feito isso, logo desapareceu o forte cheiro de vazamento de gás e os trabalhos de atendimento e socorro às vítimas continuaram, agora com mais tranqüilidade, já que havia terminado o perigo de explosão.
Enquanto eram realizados os trabalhos de resgate das vítimas e as operações de rescaldo, guarnições da Polícia Militar bloquearam o trânsito no local.

SIMULACRO


Este foi o resumo do simulacro de acidente (simulação preparada para fins de treinamento), criado na manhã de ontem (20), na subestação redutora de pressão de gás, da MsGás, em meio às indústrias do Distrito Industrial.
O objetivo do simulacro foi o treinamento prático dos 30 participantes do curso do Sistema de Comando de Incidentes (SCI), promovido pelo Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul, com o apoio da empresa MsGás e da Secretaria Nacional de Segurança Pública.
Desde terça-feira (18), Bombeiros, representantes das polícias Militar, Federal, Rodoviária Federal, Civil, Militar Rodoviária, Ambiental, Samu, Secretaria Municipal de Obras e empresas participaram do curso no Sebrae.
O curso, na teoria e na prática, teve a finalidade de apresentar o SCI como “uma ferramenta padronizada de gerenciamento de incidentes, para todos os tipos de sinistros, usando uma estrutura organizacional integrada”, resumiu o comandante do 5º Grupamento de Bombeiros, major Luiz Antônio de Mello.
Ele destacou a importância da integração das forças envolvidas e a estrutura criada para organizar e melhor aproveitar os recursos humanos e materiais disponíveis. Neste caso, o comando e gerenciamento ficou sob a responsabilidade dos Bombeiros.
Em pouco tempo, estavam envolvidos na operação as polícias Militar e Rodoviária, as equipes do Samu, MsGás e a Polícia Civil.  

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6864