Rádios On-line
RECLAMAÇÃO

Deputado volta à tribuna e defende reajuste aos servidores

Amarildo Cruz (PT) cobrou uma política de valorização

21 JUN 2017 - 16h:33Por Redação

Insatisfeito com a decisão do governo do estado em não conceder reajuste salarial aos servidores públicos de Mato Grosso do Sul, referente à data-base 2017, o 2º Secretário da Assembleia Legislativa, deputado estadual Amarildo Cruz voltou à tribuna para se posicionar contrário à decisão.

O parlamentar cobrou uma política de valorização aos servidores públicos e defendeu mais uma vez que seja concedido ao menos a reposição da inflação, como forma de "compensar" as perdas salariais sofridas em 2016. "O governo está homologando as perdas salariais sofridas pelos trabalhadores do Estado, se negando em conceder pelo menos a correção da inflação desse período", argumentou.

Durante o discurso, Amarildo Cruz lamentou a incapacidade do Estado em pagar as obrigações de custeio em várias áreas, consideradas essenciais. Além disso, criticou a falta de diálogo entre o Governador Reinaldo Azambuja e as categorias que reivindicam o aumento. “Estamos caminhando para o caos e o Poder Executivo precisa dar uma resposta. Não é justo que um governo tome decisões que afetam diretamente os trabalhadores, sem ao menos ouvir os representantes das categorias, a fim de chegar a um consenso", falou.

Ao final, o parlamentar ressaltou sua preocupação com a situação do Estado de Mato Grosso do Sul. "Infelizmente, o Estado vem se perdendo ao longo desse governo. É um quadro muito ruim, preocupante, e se não houver diálogo e tomada de providências urgentes, além dos servidores públicos, a sociedade vai acabar pagando por isso", concluiu.

(Informações da assessoria)

Deixe seu Comentário