Rádios On-line
REAÇÕES

Ex-ministro de Dilma é hostilizado por populares ao visitar Lula em hotel

Manifestantes pro-impeachment da presidente chamam Gilberto Carvalho de "ladrão"

15 ABR 2016 - 16h:43Por Valdecir Cremon

O ex-ministro-chefe da Casa Civil do governo Dilma, Gilberto Carvalho, foi hostilizado na manhã desta sexta-feira (15) por manifestantes que defendem o impeachment da presidente e a prisão do ex-presidente Lula, em Brasília. Carvalho foi cercado por um grupo de mulheres ao chegar ao hotel Royal Tulip, em Brasília, onde Lula está hospedado desde a semana passada.

Em um vídeo gravado no local, a manifestante Claudia Zambelli, do Movimento Brasil nas Ruas, pertgunta."Tens orgulho dos seus companheiros presos?".  Carvalho responde: "Não, eu tenho orgulho de não ser ladrão. Os que roubaram estão presos", disse sem citar nomes

Em uma discussão acalorada, Carvalho indaga à manifestante: "Eu sou ladrão?". Claudia responde: "O senhor é. E o senhor vai ser preso também".

Depois de nova troca de ofensas, Carvalho entra para o hotel. O grupo aplaude a manifestante e permanece no local. Veja a gravação.

 

Deixe seu Comentário