Rádios On-line

Grupo dos 12 emplaca Jorginho do Gás no comando da Câmara

Acordo entre 12 vereadores da base de sustentação política da prefeita Márcia Moura (PMDB) deve garantir a eleição do tucano Jorginho do Gás à presidência da Câmara de Três Lagoas.

30 NOV 2012 - 07h:27Por Redação

O vereador Jorge Aparecido de Queiroz, o Jorginho do Gás (PSDB), deverá ser o presidente do Legislativo no biênio 2013/2014. Às 10h de hoje, na Câmara Municipal, será assinado um Termo de Compromisso por 10 ou 12 vereadores que se comprometerão a votar na chapa montada por ele, no dia 1º de janeiro do próximo ano.

De acordo com Jorginho, o objetivo dessa divulgação antecipada na imprensa é garantir que os vereadores assumam publicamente o compromisso, a fim de evitar que algum mude de ideia até o dia da eleição para a escolha da nova Mesa Diretora do Legislativo Municipal.
Jorginho disse que conversou com todos os vereadores e afirmou que teria conseguido o apoio daqueles que fazem parte da base de sustentação da prefeita. Reuniu-se também com Márcia Moura e com o deputado estadual Eduardo Rocha, ambos do PMDB, em busca de apoio. “Os dois deixaram para os vereadores decidirem livremente quem seria o presidente. Eles só iriam interferir, caso o candidato fosse da oposição”, comentou.
O futuro presidente da Câmara adiantou que, após eleito, pretende trabalhar em prol da Casa para que todos os vereadores possam desenvolver um bom trabalho. Disse também que pretende melhorar a imagem do Legislativo e a qualidade no atendimento ao cidadão. “Quero mostrar uma imagem positiva e deixar a presidência de cabeça erguida”, comentou.

Jorginho comentou que não deverá ser tão simples presidir o Legislativo com 17 vereadores, mas fará o possível para fazer um bom trabalho. Segundo o parlamentar, caso haja a sobra de recurso do duodécimo, ele pretende devolver ao Executivo. “Pretendo fazer tudo dentro da legalidade”, disse Jorginho do Gás, que está indo para o seu terceiro mandato como vereador.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13