Rádios On-line
ENTREVISTA

Idevaldo Claudino diz que dinheiro a cidade tem, porém falta ser melhor aplicado

Idevaldo Claudino (PTB) encerrou nesta sexta-feira (23) a série de entrevistas com os candidatos a prefeito de Três Lagoas na TVC- canal 13.

23 SET 2016 - 13h:53Por Ana Cristina Santos

O candidato disse que decidiu sair candidato em razão da necessidade de mudança na cidade. “Nosso objetivo é valorizar a política e mudar os destinos políticos da cidade. Se eleito eu e nossa equipe é que vamos administrar a cidade, e não as pessoas de fora”, destacou.

EDUCAÇÃO
Idevaldo disse que, em seu plano de governo está a construção de creches e escolas em tempo integral. Entre as proposta está a de construir essas unidades na região do Novo Oeste, Vila Piloto e Vila Nova.

SECRETARIADO
Disse que os secretários de Educação e saúde serão escolhidos através de critérios técnicos e de pessoas da área. O mesmo ocorrerá com o esporte que, de três nomes ligados ao setor, um será escolhido para ser o secretário.

SAÚDE
Em relação à saúde, o candidato disse que pretende ajudar o Hospital Auxiliadora. “O hospital precisa ser mais bem valorizado, temos que trabalhar em parceria com o governo federal para viabilizarmos mais recursos para ajudar o hospital”, destacou.

PRÉDIOS
Idevaldo adiantou que, se eleito, vai fazer uma administração auditada. E que, um dos primeiros atos será o de devolver os prédios alugados e voltar o funcionamento da administração para o prédio da antiga prefeitura, em frente a praça Senador Ramez Tebet.

Além disso, pretende revitalizar os imóveis que pertenciam à antiga ferrovia.

CULTURA
O petebista informou que a cultura tem um orçamento anual de R$ 8 milhões e o Esporte R$ 7 milhões. No entanto, segundo ele, não se vê a aplicação desses recursos. “Como vereador eu tenho cobrado para onde vão esses recursos”, disse, ressaltando que, o esporte também será prioridade em sua gestão, pois desta área disse ter conhecimento.

De acordo com o candidato, Três Lagoas dispõe de uma arrecadação “real e crescente”, porém os recursos precisam ser mais bem aplicados.

POPULAÇÃO
Idevaldo Claudino disse que os moradores terão prioridade em sua gestão. “Vamos ouvir a demanda da população e nos reunir com os presidentes das associações de moradores dos bairros”, frisou.
 

Deixe seu Comentário