Rádios On-line
9248

Novas tecnologias para expansão da agropecuária no MS

Durante o lançamento do Showtec 2009, o governador André Puccinelli garantiu apoio permanente à Fundação MS

23 JAN 2009 - 14h:18Por Redação

O governo de Mato Grosso do Sul pretende usar a ciência e a tecnologia como incentivo à expansão produtiva agropecuária, por isso vai manter os investimentos nessa área e apoiar entidades de pesquisa. Durante o lançamento do Showtec 2009, hoje (23), o governador André Puccinelli garantiu apoio permanente à Fundação MS, organizadora do evento, e se dispôs a, “ano a ano, propiciar quantitativo maior de recursos” para a difusão tecnológica no campo.

Com a apresentação de 360 novas tecnologias agropecuárias na edição deste ano, o Show de Tecnologia de Maracaju promete inovações como o lançamento de variedades de soja com potencial de produção de até 90 sacas por hectare. “Já imaginaram o que é isso? Eu até hoje tinha visto produção de 74 sacas. É muito importante investir para chegar a avanços como esses”, ressaltou André. Grandes produtores, agricultores familiares e profissionais ligadas às cadeias produtivas do campo poderão conferir o maior evento tecnológico da agropecuária estadual de 2 a 4 de fevereiro.  No espaço destinado à agricultura familiar, a feira vai mostrar a viabilidade e a sustentabilidade desse porte de produção, em projetos coordenados pela Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer).

Durante o Showtec, os visitantes vão conhecer as tecnologias geradas pela Fundação MS e pelas principais instituições de pesquisa de Mato Grosso do Sul e do Brasil. “Tecnologia e ciência são sinônimos de maior produção”, disse o governador, comparando o exemplo que o surpreendeu durante viagem a Argentina, em 2007. Numa feira na cidade de Armstrong, máquinas modernas e outras novidades levadas por expositores internacionais apontavam para a modernidade e o avanço na produção. “É o que queremos fazer, o Estado e os produtores de Mato Grosso do Sul”, disse o governador.

O diretor-executivo da Fundação MS e coordenador do evento, Dirceu Luiz Broch, confirma esse entendimento, afirmando que o evento de Maracaju serve para aproximar quem desenvolve e quem utiliza a tecnologia. “O objetivo é não engavetar [as pesquisas e descobertas] e sim, colocar em prática”, ele aponta.

Visita ministerial

Puccinelli anunciou que o ministro de Assuntos Estratégicos, Roberto Mangabeira Unger, virá a Showtec. No dia 3, ele deverá ter um encontro com lideranças  políticas e do setor produtivo para falar sobre integração lavoura/pecuária. A participação foi confirmada à secretária Tereza Cristina Correa da Costa Dias ontem à noite. “O ministro deverá fazer uma palestra, sobre a qual ele ainda nos passará detalhes.  Mas há grande interesse na produção integrada e na recuperação de solo degradado”, revelou a secretária. A tecnologia para produção integrada lavoura/pecuária é uma das inovações que nasceram pelas mãos da Fundação MS, e o assunto vai ao encontro de  projetos estratégicos que o ministério de Mangabeira planeja para o Brasil.

Negócios

A expectativa em relação aos negócios fechados durante a Showtec é de um incremento de 20% conforme o coordenador, Dirceu Luiz Broch. Uma das novidades que prometem ajudar nesse desempenho é o acordo fechado com produtores de máquinas e implementos e instituições financeiras. Os fabricantes irão oferecer preços especiais para a compra durante a feira, enquanto os bancos se dispõe a liberar linhas de créditos específicas para essa finalidade.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13