Rádios On-line
11338

Próximo presidente da Câmara terá R$ 11 milhões para administrar

Orçamento para o próximo ano prevê repasse para o Legislativo no valor de R$ 11.425.900

19 OUT 2012 - 08h:22Por Redação

De acordo com o orçamento 2013, o duodécimo a ser repassado para a Câmara Municipal de Três Lagoas no próximo ano será de R$ 11.425.900. Esse será o valor total que o próximo presidente do Legislativo terá para administrar.

 O Recurso é destinado para o pagamento do salário dos vereadores (R$ 8.016), assim como de benefícios que os parlamentares têm direito, como diárias e verba indenizatória (R$ 5.510, que é 65% do subsidio do vereador). É destinado ainda a gastos com os funcionários e assessores, bem como para despesas com materiais (água, energia, material de escritório, entre outros).

De acordo com o atual presidente do Legislativo, o aumento do número de vereadores representará um impacto nas finanças da Câmara Municipal. Atualmente, cada vereador tem direito a cinco assessores e uma secretária, multiplicado esse número por sete, representa um acréscimo de mais 42 funcionários. “Esse aumento de vereadores trás um impacto sim, mas a quantidade de assessores que cada parlamentar deve ter ficará a critério do próximo presidente”, comentou.

Segundo Nuna, o orçamento previsto para o Legislativo no próximo ano deve ser justo, sem sobra de recurso. “Neste ano tivemos a construção dos gabinetes, a realização do concurso, então não haverá sobra. Agora, para o próximo ano deve ser justo, porque além dos gastos com pessoal existem outros imprevistos”, frisou. Em relação aos gabinetes, Nuna disse que até dezembro a obra ficará pronta, porém sem mobília. Ele informou que isso deverá ficar para o próximo presidente fazer em janeiro, para que, em fevereiro, os vereadores novatos já possam estar bem acomodados nos gabinetes com toda a estrutura.

CONTAS
Com base no duodécimo que a Câmara terá no próximo ano, o Legislativo deve receber, por mês, um repasse de quase R$ 1 milhão. Somente com folha de salário dos 17 vereadores o gasto será de R$ 136.272 por mês. Com verba indenizatória a despesa mensal será de R$ 93.670. Somando, representa uma despesa de R$ 229.942 por mês e por ano, de R$ 2.759.304. Entretanto, os vereadores têm direito ainda a diárias. Dentro do Estado, a diária é no valor de R$ 853.90, para fora existe um acréscimo de R$ 426,95.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13