Rádios On-line
7920

Repasse ao Tribunal de Justiça aumentou 45%

Em 2006, repasse foi de R$ 202,548 milhões e previsão para 2009 é de R$ 294,373 milhões

9 DEZ 2008 - 06h:30Por Redação

O governador André Puccinelli declarou na manhã de ontem (8) que “sobra dinheiro” no caixa do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS) e que não seria vontade sua aumentar o repasse ao Poder Judiciário, em 2009.
Em 2006, o repasse destinado ao TJ/MS foi de R$ 202,548 milhões. Para 2009, a previsão orçamentária do governo do Estado para ser repassado ao TJ/MS é de R$ 294,373 milhões, o que corresponde a um aumento acumulado de 45%, no período de três anos.
A evolução dos repasses foi gradativa. Em 2007, por exemplo, o TJ/MS  recebeu do Poder Executivo o repasse de R$ 223,582 milhões. Neste ano de 2008, foram repassados mais de R$ 258.722, milhões. Além dos recursos do Executivo, o TJ/MS arrecadou R$ 21 milhões, de janeiro a novembro, na cobrança de taxas processuais.
Na semana passada, foi protocolado na Assembléia Legislativa o projeto de lei que autoriza o Judiciário a aumentar as taxas judiciais. O TJ tem sido atacado há pelo menos duas semanas, desde o anúncio do anteprojeto que prevê aumento nas custas judiciais. A corte vê a necessidade do reajuste por achar que seu orçamento é curto e que a medida ajudaria a modernizar o sistema judiciário.
O reajuste das taxas judiciais foi proposto pelo TJ a partir de um estudo preparado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). A proposta de aumento das custas processuais tem gerado opiniões conflitantes. Para a Ordem dos Advogados do Brasil, seção de Mato Grosso do Sul (OAB-MS), o estudo da FGV provocaria um “tarifaço” que reajusta em até 3.000% as taxas judiciais no Estado.
Congeladas desde 1998, o aumento das taxas afeta apenas os ricos, segundo têm manifestado os magistrados do TJ/MS. Dados da Justiça revelam que 53% dos serviços judiciais não são cobrados, porque cuidam de causas movidas pela classe baixa. (C.A.)

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
JORNAL DO POVO
7300