Rádios On-line

Campanha arrecada agasalhos para hospital e asilo

Empresários de Paranaíba lançam terceira edição da campanha ?Inverno em Lã e Linha?

29 MAI 2013 - 09h:06Por Luana Chaves/JP

Para proporcionar aquecimento artificial, a clínica de acupuntura, estética e massoterapia Vidazen e a Vidazen Farma promovem mais uma edição da campanha “Inverno em lã e linha”. A iniciativa arrecada novelos de lã e linha e ainda confecciona gorros para serem doados ao Hospital de Câncer de Barretos e Lar dos Idosos Santo Agostinho.

Essa será a terceira edição da iniciativa, organizada pelo acupunturista e farmacêutico Francis Symbrom Santos e pela enfermeira padrão e massoterapeuta Nicolle Symbrom Santos, proprietários da Vidazen Clínica Terapêutica e da Vidazen Farma.

Ao mesmo tempo em que a clínica e a farmácia lançam o trabalho novamente, encerram a segunda campanha solidária, iniciada em 2012 para o inverno de 2013. Além delas, a ação conta com voluntárias que confeccionam os gorros e toucas.

Segundo Nycolle, a campanha finalizada superou a primeira edição, quando foram feitos 817 gorros. Desse total, 727 foram destinados ao Hospital de Câncer de Barretos e o restante foi entregue ao Lar dos Idosos Santo Agostinho.  A entrega em Barretos foi realizada na última sexta-feira. Em Paranaíba, o Lar Santo Agostinho recebeu as doações nesta terça-feira, 28. 

Agora, a campanha está em busca de pessoas que doem novelos de lã e linha, principal necessidade, conforme contou a enfermeira. As doações podem ser feitas na clínica Vidazen (rua Coronel Carlos, 1986, Centro, em frente ao hospital da Cassems) e na Vidazen Farma (rua Theódulo Mendes Malheiros, bairro Santo Antônio). 

Nycolle disse que as expectativas para o terceiro ano são as melhores possíveis, uma vez que a segunda superou a primeira, que por sua vez também foi muito boa. “Pretendemos arrecadar mais, tanto lã quanto linha, para fabricarmos mais e superarmos a quantia entregue neste ano. Para isso, precisamos da ajuda da população, que sempre foi solidária”, disse.

Os primeiros passos da ação começaram em conversas com pacientes e amigos, que gostaram da ideia e aderiram rapidamente. De acordo com Nycolle, como a clínica sempre busca uma melhor qualidade de vida para seus pacientes, surgiu a ideia de ajudar “o próximo”.  Já que alguns atendidos pela Vidazen trabalham com artesanato (crochê, tricô, entre outros trabalhos manuais), a ideia de confeccionar gorros foi rapidamente aceita e desenvolvida.

A ação não tem prazo determinado, já que, enquanto existirem doações e os colaboradores estiverem confeccionando os gorros, a iniciativa continua.

AGRADECIMENTO
O Hospital do Câncer de Barretos emitiu uma carta em agradecimento aos organizadores, assinada por Luiz Antonio Zardini, coordenador do setor de captação de recursos. O objetivo do documento é mostrar a gratidão da unidade para com a campanha. Em nota, o coordenador destaca que o “gesto solidário estimula e incentiva o compromisso com a vida de milhares de pacientes no Brasil”.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13