Rádios On-line
TOCHA

Forças de segurança discutem plano tático para o revezamento da Tocha

Tocha Olímpica desembarca em Campo Grande e segue para sete municípios

25 ABR 2016 - 18h:57Por Redação

Integrantes da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), da Polícia Militar, da Polícia Civil, Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e do Exército Brasileiro participaram na manhã desta segunda-feira (25), de uma reunião no Comando-Geral da Polícia Militar, em Campo Grande, para discutir o plano tático para o revezamento da Tocha Olímpica em Mato Grosso do Sul.

Nos 100 dias que antecedem as Olimpíadas do Rio de Janeiro a Tocha Olímpica percorre mais de 300 cidades brasileiras, 9 delas de Mato Grosso do Sul, onde o revezamento acontece entre os dias 25 e 27 de junho. A Tocha Olímpica desembarca em Campo Grande e segue para os municípios de Sidrolândia, Maracajú, Itaporã, Rio Brilhante, Dourados, Nova Andradina e Bataguassu.

De acordo com o tenente-coronel Flávio Luiz Filiu da Silva, chefe da 3ª Sessão do Estado Maior da Polícia Militar, o reforço no policiamento começa no Aeroporto Internacional de Campo Grande e segue por todas as ruas e estradas por onde a Tocha Olímpica vai passar, com operações de trânsito, contramedidas anti-bombas, investigações, trabalho de inteligência, patrulhamento aéreo, ações de salvamento, atendimento pré-hospitalar e escoltas ostensivas.

De acordo com o secretário adjunto de Estado de Justiça e Segurança Pública, delegado Antônio Carlos Videira, o evento oportunizará ao Estado divulgar suas potencialidades, como o turismo, cultura e agronegócio, cabendo a todos os órgãos manter a ordem e a segurança durante o revezamento da Tocha Olímpica. “Se depender das nossas forças de segurança dará tudo certo e a várias mãos construiremos um grande evento para o Estado”, pontuou.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jorge Edgar Júdice Teixeira lembrou que além das forças estaduais de segurança, também estão envolvidos no evento as Força Armadas, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e a Força Nacional, que estarão presentes no Centro de Comando e Controle que será montado no Centro Integrado de Operações (CIOPS), de onde serão coordenadas e acompanhadas as ações de segurança do evento. “Essa reunião de hoje é para ajustarmos o que for necessário para que tudo corra bem”, destacou.

A reunião contou ainda com as presenças do delegado-geral da Polícia Civil, Marcelo Vargas Lopes e do adjunto, Antônio Carlos Costa Mayer, dos diretores do Departamento de Polícia Especializada, delegado Ivan Barreira, do Departamento de Polícia do Interior, delegado Adriano Garcia Geraldo, do diretor do Departamento de Polícia da Capital, delegado Pedro Espíndola, do superintendente de Inteligência da Sejusp, delegado Luiz Sérgio da Silva, superintendente de Segurança Pública da Sejusp, coronel Deusdete Oliveira Filho, do comandante do Comando de Policiamento Metropolitano, coronel Waldir Acosta Ribeiro, do subcomandante-geral da PM, coronel Francisco Assis Ovelar, dos comandantes das unidades da Polícia Militar e de todas as seções do Comando-Geral. (Assessoria)

Deixe seu Comentário