Rádios On-line

PMA desarma mil metros de redes no lago da Usina Sérgio Motta

No período da piracema é permitida a pesca no lago da hidrelétrica para captura apenas de peixes exóticos

1 FEV 2013 - 10h:35Por Redação

A Polícia Militar Ambiental (PMA) desarmou e apreendeu mil metros de redes de pesca no Lago da Usina Sérgio Motta, em Bataguassu. A apreensão foi feita quarta-feira à tarde, durante fiscalização. 

Os policiais avistaram um barco com dois homens armando redes durante patrulhamento no lado, mas quando se aproximaram, os pescadores fugiram de bote em um braço do rio Paraná onde a lancha da PMA não navega. 

Os policiais desarmaram mil metros de redes e ainda conseguiram soltar dezenas de peixes. Segundo a PMA, as apreensões de petrechos proibidos, principalmente redes, têm sido comuns durante fiscalização no rio Paraná.

No período da piracema, que está se encerrando, é permitida a pesca no lago da hidrelétrica para captura apenas de peixes exóticos, no limite de 10 kg mais um exemplar. 

No rio Paraná podem ser capturados tucunaré, curvina, tilápia e bagre africano. Já as espécies nativas são protegidas pela legislação e sua captura configura crime ambiental. O alvo da fiscalização é a pesca predatória, em que são usados petrechos proibidos, como redes e tarrafas. Segundo a PMA, a pesca predatória é praticada geralmente de madrugada. 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13
  • Programas: