Rádios On-line

Doação de sangue é celebrada hoje pelo Hemosul

O próximo domingo (25) é o Dia Nacional do Doador de Sangue

23 NOV 2012 - 09h:00Por Redação

O próximo domingo (25) é o Dia Nacional do Doador de Sangue e para comemorar quem fizer doação hoje (23) no Centro de Hemoterapia e Hematologia de Mato Grosso do Sul (Hemosul) será recepcionado com um lanche especial. A expectativa é reunir cerca de 250 voluntários.

O advogado Guilherme João Vanella, de 27 anos vai completar dois anos como doador de sangue. De três em três meses ele comparece ao Hemosul. “Eu considero como meu primeiro serviço voluntário. E a mensagem que eu deixo neste Dia Nacional do Doador é para que o cidadão se conscientize de como este ato é importante”, ressaltou.
  
A cada três meses, a advogada Juliana Rodrigues, 28 anos também tem presença garantida no Hemosul. A experiência começou quando sua colega chamou para doar sangue. “Não sei quem pega o meu sangue, mas para mim isso é muito gratificante porque é como doar uma vida para a pessoa que está debilitada”, afirmou.
 
Há três anos como doadora, ela conta que hoje (23) é o dia que retorna ao Hemosul para fazer mais uma doação. “Doar é um ato de carinho e já tenho isso como obrigação em ajudar as pessoas. É levar uma esperança de vida”, concluiu.
 
Se para Juliana doar sangue é importante, para o primeiro doador do Hemosul, José Estopa, de 53 anos, a atitude é mais que um gesto de amor. Há 22 anos ele é doador de sangue e com seu exemplo já ganhou a admiração de muita gente. “Hoje muitos colegas que eu convidei já estão doando sangue”, comentou satisfeito. A iniciativa partiu quando o pai precisou de sangue. “Meu pai já faleceu, mas eu continuei doando para ajudar outras pessoas”, disse.  
 
Estatísticas        
 
O Hemosul conta atualmente com um cadastro de 155.706 pessoas doadoras de sangue. De acordo com as estatísticas, somente no primeiro semestre deste ano, foi realizado um total de 32.484 coletas na Hemorrede de Mato Grosso de Sul contra 26.613 no mesmo período do ano passado. Já o Hemosul coletou 14.503 bolsas de sangue nos primeiros seis meses de 2012 contra 13.434 coletas no mesmo período de 2011.
 
No ranking de coletas realizadas na Hemorrede/MS, no primeiro semestre deste ano o Hemosul aparece em primeiro lugar. Na sequência vem Dourados com 6.020 coletas; Santa Casa com 5.175 bolsas; Hospital Regional Rosa Pedrossian – 1.997; Três Lagoas – 1.424; Ponta Porã – 1.344; Hospital Universitário – 1.110; Paranaíba – 593 e Corumbá – 126 coletas.
 
Serviço
 
A doação de sangue é permitida para pessoas na faixa etária de 16 a 68 de anos de idade. No dia da doação é necessário estar bem de saúde, ter se alimentado e não ter ingerido nenhum tipo de bebida alcoólica nas últimas 12 horas.
 
Para doar a pessoa deve apresentar um documento com foto (carteira de identidade, trabalho ou habilitação) no ato da doação. Jovens menores só podem realizar doação mediante autorização dos pais ou responsáveis. O Hemosul está localizado na Avenida Fernando Correa da Costa, 1.304, Centro de Campo Grande e as doações podem ser feitas à partir das 7 da manhã.
 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13