Rádios On-line
FEBRE AMARELA?

Macacos encontrados mortos em Ilha Solteira são enviados para análise

Dois animais foram encontrados mortos por moradores em estradas que cortam o município

7 FEV 2017 - 17h:34Por Kelly Martins

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde de Ilha Solteira, município localizado no interior de São Paulo, a 70 km de Três Lagoas, encaminhou para análise dois macacos encontrados mortos por moradores. Os animais estavam em estradas na área rural do município e os exames laboratoriais devem apontar se eles foram mortos por febre amarela.

A coordenadora da Vigilância Sanitária, Márcia Rúbio, explicou que os macacos estavam com marcas de atropelamento. “Porém, por conta do surto da doença em várias regiões, enviamos os animais para análise por precaução”, disse. O exame será feito por um laboratório de Araçatuba (SP).

Não há registro da doença na cidade há mais de 10 anos e, por isso, os especialistas afirmam que a preocupação é desnecessária. O médico veterinário Paulo Rogério Dobre, do Centro de Zoonoses de Ilha Solteira, destaca a diferença entre a febre amarela silvestre e urbana, como também frisa que os macacos não são transmissores da doença.  

A febre amarela urbana atinge principalmente as pessoas na cidade e o agente transmissor é o mosquito Aedes aegypti que possui o vírus. Na febre amarela silvestre o vírus circula na região de matas entre os mosquitos Haemagogus e Sabethesque pode transmitir a febre amarela para humanos e macacos.

Outro caso

No mês de janeiro deste ano, quatro macacos foram encontrados mortos na zona rural de Aparecida do Taboado. A Secretaria de Estado de Saúde investiga se os casos têm relação com o surto de febre amarela. O resultado dos exames ainda não foi divulgado.  

Vacinação

A alerta da doença tem gerado uma corrida aos postos de saúde tanto de Três Lagoas como nas cidades vizinhas. O problema é que as vacinas já se esgotaram e o baixo estoque fez com que a prefeitura municipal tomasse uma medida emergencial. Desde esta segunda-feira (6) apenas as crianças estão sendo vacinadas na cidade. Há apenas 500 doses à disposição da população e até que o Ministério da Saúde envie um novo lote, os adultos deverão recorrer às clínicas particulares. 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13