Rádios On-line
MAMOGRAFIA

Mais de 3,2 mil mulheres estão na fila por exames

O motivo se dá por conta da interrupção do funcionamento dos equipamentos utilizados nos dois exames há mais de um ano

26 AGO 2017 - 13h:00Por Redação

Mais de 3,2 mil mulheres aguardam na fila de espera do Sistema Único de Saúde (SUS) por exames de mamografias e densitometria óssea, em Três Lagoas, que são realizados na Clínica da Mulher. O motivo se dá por conta da interrupção do funcionamento dos equipamentos utilizados nos dois exames há mais de um ano.

O Densitômetro e o Mamógrafo tiveram detrimentos técnicos, o que impossibilitou o funcionamento dos aparelhos por meses, segundo a Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com a coordenadora do Setor de Média Complexidade do Departamento de Assistência à Saúde, Larissa Rachel Palhares Coutinho, nesta semana foi feita a aquisição das peças, necessárias para a instalação e funcionamento do aparelho de densitometria. “Foi colocado [o equipamento] em local específico e apropriado e está sendo montado por técnico especializado do fabricante”, pontua.

A Clínica da Mulher atende não só pacientes do município para os exames de mamografia, mas também os municípios de Selvíria, Brasilândia, Santa Rita do Pardo, Água Clara e Bataguassu.

Quanto aos exames de densitometria óssea, Três Lagoas é referência macrorregional, atende pacientes de dez municípios: Paranaíba, Cassilândia, Aparecida do Taboado e Inocência.

O equipamento utilizado na Clínica da Mulher para a realização de mamografia passou pelos devidos reparos e voltou a funcionar há quase um mês e gradativamente está reduzindo o número de mulheres que aguardam na fila de espera.

A Secretaria Municipal de Saúde afirma que dentro de 30 dias estará disponibilizando a volta dos exames de densitometria óssea, na unidade.

Deixe seu Comentário