Rádios On-line
PREVENÇÃO

Nova faixa etária tem 1,5 mil doses contra HPV

A cidade disponibiliza 1.500 doses para este grupo

27 AGO 2017 - 07h:00Por Steffany Pincela

Homens e mulheres com idades entre 15 e 26 anos já podem receber a vacina contra o HPV em Três Lagoas. A cidade disponibiliza 1.500 doses para este grupo. A iniciativa será válida também para os municípios que possuam vacinas em estoque, com prazo de validade até setembro de 2017.

A ação tem como objetivo evitar um possível desperdício de doses que permaneçam nos estoques ddas cidades. A campanha de imunização foi iniciada na segunda-feira (21), pela Secretaria Municipal de Saúde de Três Lagoas, por meio da Coordenação do Setor de Imunização. A previsão para o fim da campanha para este grupo é em 4 de setembro.

A rotina de uso desta vacina no público-alvo, que é para meninos na faixa etária de 11 a 13 anos e meninas de 9 a 14 anos, deve ser mantida com duas doses, sendo aplicada com intervalo de seis meses entre elas. Para a faixa etária de 15 a 26 anos, a orientação do Ministério da Saúde é o esquema vacinal com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses. As pessoas que tomarem a primeira dose neste período, excepcionalmente, terão as duas doses subsequentes garantidas no SUS. 

A vacina HPV Quadrivalente é segura, eficaz e é a principal forma de prevenção contra o aparecimento do câncer do colo de útero, quarta maior causa de morte entre as mulheres no Brasil. Nos homens protege contra os cânceres de pênis, orofaringe e ânus. Além disso, previne mais de 98% das verrugas genitais, doença estigmatizante e de difícil tratamento.

A campanha do HPV iniciou em janeiro de 2017 e intensificou em julho. Para meninos de 11 a 14, há 2.500 doses disponíveis. Já para meninas de 9 a 14 há 3.000 doses. 
Segundo a coordenadora do Setor de Imunização, Humberta Azambuja, a expectativa é vacinar mais da metade da população direcionada. “A procura está grande. Nosso objetivo é vacinar, pelo menos, 80% do público alvo,” afirmou.

A vacina pode ser encontrada, no município, em todas as unidades básicas de Saúde (postinhos) e equipes do setor também estão visitando as escolas, em campanhas pré-agendadas junto à direção escolar.

Deixe seu Comentário