Definir Três Lagoas como sua cidade padrão?

Sim Não
Rádios On-line
8090
PREFEITURA TL 103 ANOS 18 A 30.06.18
PARADEIRAS

Ano novo terá 11 feriados e cinco pontos facultativos

Em 2017, que teve nove feriados nacionais e três datas facultativas, a estimativa de perdas foi de R$ 66,8 bilhões

30 DEZ 2017 - 08h:20Por Valdecir Cremon

O governo federal divulgou, nesta semana, o calendário que estabelece feriados e pontos facultativos em 2018. Conforme a publicação, feita no Diário Oficial da União de terça-feira (26), o ano terá nove feriados e cinco pontos facultativos. O calendário estipula as datas em que órgãos públicos e entidades da administração direta, autarquias e fundações não estarão funcionando, sem contar os serviços considerados essenciais, como os de saúde e de segurança, entre outros.
Como moradores das demais  cidades brasileiras, os três-lagoenses terão, ao menos, dois feriamos a mais em relação ao país. Um deles é o do aniversário do município, celebrado em 15 de junho. O outro se refere à emancipação do Estado, que ocorre em 11 de outubro. Em 2018, serão comemorados 41 anos do processo de divisão com Mato Grosso e criação de Mato Grosso do Sul.
Dessa forma, o governo cria “feriadões” para servidores públicos, com a “emenda” de datas simbólicas a finais de semana.  
A lista de feriados começa com a passagem de ano, 1º de janeiro, com a chegada do Ano Novo.
A lista de pontos facultativos começa no Carnaval, em fevereiro, na segunda e terça-feira (dias 12 e 13) e parcial, a partir das 13h, na quarta-feira. A Semana Santa será na última semana de março e, no dia 30, feriado Paixão de Cristo.  Com o sábado e domingo, serão três dias de descanso, principalmente em órgãos públicos.

CUSTO
De acordo com levantamento realizado anualmente pela Firjan (Federação das Indústrias do Rio de Janeiro), a manutenção de feriados especialmente entre terça e sexta-feira causa grandes prejuízos ao setor industrial brasileiro. Para 2017, que teve nove feriados nacionais e três datas facultativas, a estimativa de perdas foi de R$ 66,8 bilhões. As perdas, diz o estudo, representam 4,4% do PIB (soma de riquezas) de todo o setor no país.
A alternativa seria, segundo a federação, a marcação de feriados aos finais de semana ou sempre às segundas-feiras.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
CULTURA
7201