Rádios On-line

Atleta luta por vaga na seleção brasileira

Thiago deverá competir com outros cinco ou seis atletas na mesma categoria.

5 FEV 2013 - 10h:29Por Danilo Fiuza / JP

O três-lagoense Thiago Emilio Lopes Ribeiro, 25 anos, lutará, literalmente, por uma vaga na Seleção Brasileira de Kung Fu. Ele foi um dos quatro sul-mato-grossenses convocados para a seletiva, que acontecerá na cidade de Campinas (SP), entre os dias 16 e 17 deste mês.

De acordo com Thiago, o convite surgiu por conta do resultado conquistado por ele no Campeonato Brasileiro de 2012, em Fortaleza (CE), onde conquistou medalha de bronze na categoria até 70 quilos.

“Recebi o convite na quinta-feira. Como não estava esperando por isso, vou ter que correr atrás do prejuízo e me dedicar muito aos treinos”, disse.
Thiago deverá competir com outros cinco ou seis atletas na mesma categoria. Entretanto, a disputa não deve ser nada fácil. Para ele, a categoria 70 quilos é uma das mais difíceis, devido ao grau de preparo e à velocidade dos golpes dos atletas.

Mesmo assim, ele está animado. Nesta semana, o atleta começa o treino intensivo, que deverá ocorrer à noite, já que Thiago trabalha durante o dia e ministra aulas de Kung Fu e Boxe Chinês em uma academia à noite. “Nesse tipo de seletiva, o atleta é avaliado como um todo, desde a parte técnica, física até a emocional. Vou ter que treinar muito para conseguir entrar”, lembrou.

A seletiva, promovida pela Confederação Brasileira de Kung Fu, visa selecionar os dois melhores em cada modalidade para que eles possam fazer parte dos treinos da seleção brasileira. O objetivo é preparar os atletas para representar o Brasil em competições internacionais.

Além de Thiago, os outros representantes de Mato Grosso do Sul são de Campo Grande, dois lutadores, e um de Nova Andradina. “Desses, dois deles são campeões brasileiros”, completou. Nenhum deles, porém, compete na mesma modalidade de Thiago.

O atleta pratica o Kung Fu há dez anos. Ele informou que, caso seja selecionado, pretende continuar em Três Lagoas. “Acredito ser possível conciliar os treinos e a minha vida na cidade”, disse. (R.P.)

 

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13