Rádios On-line
Caminhão de Prêmios Urna Interna
TRêS LAGOAS

Avanços na indústria do biodiesel será tema de workshop internacional no ISI Biomassa

Evento irá apresentar espaço para potenciais clientes e instituições de ensino e pesquisa parceiras

22 FEV 2018 - 06h:30Por Redação

Entusiasta do biodiesel, Donato Aranda, engenheiro químico com mestrado e doutorado na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e pós-doutorado em Massachusets (EUA), é um dos palestrantes do “Workshop Internacional de Inovação em Biomassa”, que será promovido pelo Instituto Senai de Inovação em Biomassa (ISI Biomassa), nos dias 14 e 15 de março, para apresentar a estrutura do espaço, localizado em Três Lagoas (MS), a potenciais clientes e instituições de ensino e pesquisa. Com a palestra “Avanços Recentes na Indústria do Biodiesel”, o pesquisador irá mostrar que, apesar de ter menos de 13 anos que a primeira fábrica de biodiesel foi inaugurada no Brasil, muitos avanços foram alcançados, resultando numa competitividade do biodiesel com o diesel.

A primeira usina de biodiesel do Brasil começou a funcionar em 2005 em Belém (PA), quando a empresa Agropalma investiu R$ 4 milhões para construi-la, iniciando os trabalhos com capacidade total de produção de 8 milhões de litros de óleo por ano. Desde então, muito se tem apostado no biodiesel como alternativa aos combustíveis fósseis, por serem produzidos de forma mais simples e se adaptarem mais facilmente aos motores já existentes.

Na avaliação de Aranda, essa é uma vantagem do biodiesel sobre o etanol. “Qualquer veículo diesel pode utilizar biodiesel. Essa é uma vantagem importante. Além disso, o biodiesel possui quase o dobro do poder calorífico do etanol. É uma forma mais eficiente de utilização da energia solar via fotossíntese”, afirmou.

Ele ainda elogiou a realização do workshop, destacando que o evento será um ótimo ambiente para o estabelecimento de contatos, parcerias e trocas de experiências. “Desde que conheci o ISI Biomassa percebi que se tratava de um empreendimento de alto nível, alinhado com alguns dos maiores institutos internacionais de ciência, tecnologia e inovação. Acredito que esse evento será um marco importante para a instituição”, considerou.

Outras palestras

Para o Workshop, a área técnica do ISI Biomassa selecionou outros sete diferentes temas para demonstrar oportunidades e formas de atuação para promover a competitividade da indústria brasileira, se valendo da transferência de conhecimento, investigação e inovação aplicada. Também foram convidados especialistas de renome internacional, como o engenheiro químico Georg Weinberg, o químico Claudio Luis Donnici, o presidente-executivo da ABBI (Associação Brasileira de Biotecnologia Industrial), Bernardo Silva, o professor Florent Allais, da AgroParisTech, que fica em Paris, na França, o professor emérito da UFRJ Nei Pereira Júnior, que é PhD em Biotecnologia, e o engenheiro-mecânico Ricardo Alan Verdú Ramos.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13