Rádios On-line
Caminhão de Prêmios Urna Interna
DECISÕES

Câmara arquiva denúncia contra Guerreiro e aprova área para cervejaria

Decisões foram tomdas em sessão realizada nesta terça; prefeito foi denunciado por improbidade

22 MAI 2018 - 12h:00Por Valdecir Cremon

A Câmara de Três Lagoas arquivou, na sessão desta terça-feira (22), um pedido de instalação de uma Comissão Processante para investigação de denúncia de improbidade administrativa contra o prefeito Ângelo Guerreiro (PSDB). A denúncia do vereador Davis Martinelli (Pros) era de uso irregular de panelas de escolas municipais em uma festa de cavaleiros, realizada em abril deste ano.

O arquivamento teve 13 votos contra a denúncia e apenas um a favor. Martinelli não votou por ser o autor da proposta, que pedia o afastamento do prefeito pelo período de 90 dias, durante a apuração da denúncia. A comissão teria poder de propor ao plenário da Câmara a cassação do mandato do prefeito.

Além de panelas e da fabricação de estruturas para um almoço realizado no local da cavalgada, com materiais da área de obras, Guerreiro teria determinado que funcionários da prefeitura trabalhassem na cavalgada. O prefeito não se pronunciou sobre as acusações. 

ÁREA CERVEJARIA

Na mesma sessão, os vereadores aprovaram por 14 a 2 a alteração da destinação de uma área recebida em doação pelo município de escolar para industrial para doação a uma cervejaria. A votação da matéria dependia da emissão de pareceres de comissões internas da Câmara e do envio de documentos aos vereadores pela prefeitura. 

Na semana passada, a empresa Fibria, que doou o terreno de 17 hectares, e o Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) autorizaram a troca de destinação. A doação ocorreu em caráter de mitigação por impactos ambientais da instalação da indústria, nos anos 2000.

Um projeto para a doação da área deve ser encaminhado ao Legislativo nesta semana, segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico. (Colaborou Sérgio Colacino)

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13