Rádios On-line
PROPAGANDA ILEGAL

Carro apreendido em campanha eleitoral foi leiloado pela Prefeitura de Brasilândia em 2012

Administração municipal vai instaurar sindicância para apurar porque documentos não foram transferidos

21 SET 2016 - 16h:51Por Eliana Cristini

A Prefeitura de Brasilândia negou, hoje (21), que seja dona de uma van usada na campanha eleitoral do candidato a vereador Gílson Martins do Santos (PV), de Três Lagoas. O veículo foi apreendido pela Polícia Militar na noite desta terça-feira (20), após denúncia anônima.

Em nota enviada à reportagem, a prefeitura afirma que a van foi vendida por R$ 2,8 mil em um leilão realizado em 2012. Uma sindicância deve ser aberta, na administração municipal, para apurar porque a documentação não foi transferida ao comprador e se o veículo foi multado, se tem dívidas com licenciamento e se foi envolvido em acidentes de trânsito após a venda.

A reportagem não conseguiu localizar o comprador do carro. O candidato a vereador, que usa o apelido de "Burdog" em campanha, disse que a documentação de compra do veículo foi apresentado à Polícia Federal, para onde a van foi levada após a apreensão, e que a liberação deve ocorrer nesta quinta-feira. A Polícia Federal não confirmou a informação.

"Não há crime eleitoral, porque está tudo registrado, inclusive no Cartório Eleitoral. Apenas a placa da van ficou como de Brasilândia, mas está tudo regularizado e licenças pagas", afirmou. 

Veja reportagem da jornalista Kelly Martins para o programa Pulseira de Prata, da TVC - Canal 13, feita nesta quarta-feira. (Colaborou Valdecir Cremon/JP)

ASSISTA:

Deixe seu Comentário