Rádios On-line
JULGAMENTO

CNJ analisa conduta de desembargadora que usou carro oficial para buscar filho preso em Três Lagoas

Conselho Nacional de Justiça vai julgar nesta terça-feira conduta da presidente do TRE

9 OUT 2018 - 13h:28Por Ana Cristina Santos

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) vai julgar nesta terça-feira (9) o processo disciplinar contra a presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges.

A desembargadora foi denunciada por usar carro oficial e escolta para buscar o filho Breno Fernando Solon Borges, de 38 anos, no presídio de Três Lagoas, e interná-lo em clínica psiquiátrica. Breno foi preso em abril de 2017 por tráfico de droga e armas. A presidente do TRE não tinha habeas corpus para soltar o filho.

Em junho deste ano, a 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul arquivou a ação de improbidade administrativa contra a desembargadora.

Deixe seu Comentário