Rádios On-line
RIGOR

Com fiscalização rigorosa, calçadas ficam livres de ambulantes

Desde quinta-feira , os vendedores estão proibidos de comercializarem produtos na área central

18 MAR 2017 - 12h:17Por Ana Cristina Santos

Com dois dias de fiscalização rigorosa no centro de Três Lagoas, as calçadas do quadrilátero central da cidade estão vazias sem os ambulantes. Desde quinta-feira (16), os vendedores estão proibidos de comercializarem produtos na área central, no perímetro que compreende as avenidas Rosário Congro e Eloy Chaves, entre as ruas Elmano Soares, João Carrato e Bruno Garcia.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Antônio Empeke, a prefeitura não está proibindo ninguém de trabalhar, apenas cumprindo a legislação que não permite a presença dos ambulantes nesse trecho da área central. “Eles têm a cidade inteira para trabalhar, não poderão ficar apenas nesse ‘miolo’ do centro”, destacou. 

 Os ambulantes que forem flagrados nesse quadrilátero terão os produtos apreendidos. Para coibir a presença deles na área central, a prefeitura conta com o apoio da Polícia Militar. Nos dois primeiros dias da proibição, segundo o secretário, apenas um vendedor de pequi teve os produtos apreendidos, porque insistiu em continuar vendendo no espaço que não é permitido. “Por enquanto, está tudo tranquilo, os ambulantes estão entendendo que estamos apenas cumprindo a legislação, e não estamos tirando o trabalho de ninguém”, declarou.

Segundo o secretário, os fiscais e demais funcionários da secretaria passam a cada 30 minutos pelas ruas verificando se têm ambulantes.  Esse trabalho de fiscalização ocorre em horário comercial e aos sábados, conforme Empeke, será das 8h às 14h, no horário de funcionamento do comércio.

O principal objetivo dessa proibição é coibir que os ambulantes concorram de maneira desleal com os comerciantes que pagam aluguel, impostos e funcionários.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13