Rádios On-line
ELEIÇÕES

Com o fim das coligações para vereador, partidos nanicos enfrentam obstáculos

Leia a coluna Observatório da edição do Jornal do Povo deste sábado

5 SET 2020 - 06h:00Por Redação

Cuidado
O prefeito Ângelo Guerreiro, apontado como favorito nas pesquisas, se as eleições fossem hoje redobra os cuidados para não enfrentar, depois das convenções, sucessivos pedidos de impugnação. Sabe que adversários com menor chance dificilmente resistem à tentação de levar a disputa para o “tapetão”.

Dúvida
A oposição mais consequente e pragmática faz contas e reconhece que o melhor caminho para o enfrentamento com Guerreiro seria uma união de forças, já que nao hã segundo turno. Como na política o ego às vezes supera a lógica, essa tese nunca é avalliada até o final.

Vale tudo
Quem andou sendo procurado por pré-candidatos a prefeito de Três Lagoas foi o ex-govsernador André Puccinellli. Mesmo com o MDB apoiando o PSDB em Três Lagoas, procuravam algum tipo de apoio (qualquer apoio) já prometendo contrapartida em 2022. Nenhuma conversa prosperou.. Apostavam no distanciamento entre Puccinelli e Eduardo Rocha, já que o ex-governador preferia uma candidatura prõpria que não apareceu.

De Saída
Por essas e outras não será de todo estranho se pelo menos dois dos pré-candidatos já lançados  aceitem aliança ou terminem desistindo pura e simplesmente.

Desandou
Em Campo Grande desandou o pudim que vinha sendo cozinhado pelo governador Reinaldo Azambuja e pelo prefeito Marquinhos Trad a quatro mãos. Tucanos decidiram esperar só até terça-feira para saber se indicam ou não o vice na chapa do prefeito. Sem essa vaga abrem dissidência e vão lançar candidatura própria a prefeito. Os deputados federais Beto Pereira e Rose Modesto já adiantaram qe topam a indicação.

Dinâmica
Costumava repetir à exaustão o então deputado e líder da Arena na Assembleia do Mato Grosso ainda uno, Ruben Figueiró de Oliveira: “política é muito dinâmica”. Com isso explicava tudo e não demonstrava surpresa diante de nenhuma crise. Vale até hoje a observação.

Nanicos 
Com o fim das coligações para vereador, os chamados partidos nanicos passam a enfrentar um obstáculo a mais para continuarem existindo. O fim das legendas de aluguel e das federações de anões políticos tentando construir um gigante está próximo.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13