Rádios On-line
teste mobile

Comerciantes apostam em aumento de até 30% na venda de fogos de artifício

Valores de fogos de artifício nas lojas de Três Lagoas variam de R$ 25 a R$ 2 mil

29 DEZ 2015 - 11h:00Por Kelly Martins

A busca pelos fogos de artifício para a virada do ano já começou e comerciantes do ramo, em Três Lagoas, apostam no aumento de 30% nas vendas até o dia 31 de dezembro. Os fogos de uso doméstico fazem a alegria da criançada e a diversão dos mais velhos nas festas de fim de ano. Por isso, a expectativa é de que a comercialização seja maior do que 2014.

Pesquisa feita pela reportagem em, pelo menos, quatro estabelecimentos na cidade aponta o crescimento na venda. Para o empresário José Cláudio Alves, por exemplo, o volume vendido até o momento já supera o do anterior.

“Apesar da crise e dificuldades financeiras, a procura pelos fogos neste período é intensa e já percebemos o aumento nas vendas. Acredito que será até maior na véspera do ano novo, o brasileiro sempre deixa para a última hora”, comentou.

Por garantir o faturamento, o empresário contou que essa semana a loja irá funcionar em horário especial, das 7h às 21h, até quinta-feira, 31. O objetivo é facilitar o atendimento para os consumidores que deixam este tipo de compra para a última hora.

O comerciante Luiz Antônio Ribeiro, proprietário de uma loja de fogos de artifício, também mantém a expectativa e observa algo diferenciado em 2015. De acordo com ele, a comercialização dos fogos domésticos para o Natal foi superior se comparado com os anos anteriores e a metade do total de vendas em dezembro de 2014.

“Normalmente no período do Natal a procura é baixa, mas neste ano foi bem atípico o que ocorreu. O volume de vendas já compensa para o ano novo e tenho a garantia de que não terei prejuízo”, pontuou o empresário.

Com preços que variam entre R$ 25 e R$ 2 mil, os três-lagoenses costumam investir em fogos para garantir a comemoração. Na Lagoa Maior, região central da cidade, os moradores poderão conferir a queima de fogos preparada pela Prefeitura Municipal. No entanto, seja qual for o destino para conferir esse momento, é preciso se manter aos cuidados com o armazenamento e uso dos itens.

Alerta
O Corpo de Bombeiros alerta sobre os cuidados para manusear os fogos de artifício. Em todos os foguetes, rojões e demais fogos, vem descrito na embalagem quem pode adquiri-los e soltá-los.

Os produtos se dividem entre as classes A, B, C e D conforme a quantidade de Nitrato de Potássio que contém. O primeiro tipo é indicado para crianças maiores de sete anos. Ele contém uma reduzida quantidade de nitrato e por isso faz pouco barulho e oferece menos riscos durante o manuseio. 

Os fogos classificados no tipo B só podem ser usados por adolescentes com mais de 12 anos acompanhados de adultos. Os itens do tipo C e D provocam efeitos sonoros, visuais e podem atingir centenas de metros de altura. Os fogos desse tipo devem ser manuseados somente por adultos e alguns apenas por profissionais.

Conforme os bombeiros, as normas envolvendo a compra e manuseio de fogos de artifícios devem ser obedecidas pelo consumidor e principalmente pela loja que comercializa esse tipo de produto, que deve orientar seu cliente, em especial com informações indicando a forma correta para soltar os artefatos.

Deixe seu Comentário