Rádios On-line
ECONOMIA

Comércio luta para driblar efeitos da pandemia e aposta nos negocios

Mato Grosso do Sul tem mais de 40 mil estabelecimentos operando

6 MAR 2021 - 15h:05Por Rosana Siqueira

Com mais de 40 mil estabelecimentos operando, o comércio nas cidades de Campo Grande, Três Lagoas, Paranaíba e Aparecida do Taboado luta para driblar os efeitos negativos da pandemia do Coronavírus na economia. Após um 2020 de medidas restritivas por conta da Covid-19, que trouxe desemprego e redução no ganho em todos os setores do varejo, os municípios tiveram que se readaptar, e mudar o foco das atividades. 

De acordo com dados da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul, Campo Grande lidera o total de empresas no varejo com mais de 24 mil estabelecimentos, seguida de Três lagoas com mais de 11 mil; Paranaíba  com quase 5 mil empresas  e Aparecida do Taboado com mais de mil empresas.

Agora os comerciantes de todo Estado deverão novamente fazer adequações e não perderam a força diante de uma nova onda da doença que já se avizinha em todo o País.  Por isso, visando incentivar a compra no comércio local, dando fôlego e garantindo a sobrevivência e crescimento dos empresários do varejo, o Grupo RCN de Comunicação está lançando neste mês a campanha “Mês do Consumidor- Compre no Comércio Local”.

A iniciativa visa ainda ampliar a valorização do cliente, que é lembrado no Dia do Consumidor, comemorado em 15 de março e nos demais 31 dias deste mês.

Campanha 

A campanha vai ocorrer simultaneamente nas cidades de Campo Grande, Aparecida do Taboado, Paranaíba e Três Lagoas, onde o grupo atua fortemente na comunicação.
“Nossa ideia é valorizar o empresário local, dando condições de que ele amplie suas vendas num período difícil, que se arrasta desde o ano passado. O foco também é voltado ao cliente, numa forma de incentivar as compras nestes municípios, garantindo a manutenção de empregos e a circulação de dinheiro”, destacou o diretor comercial do Grupo, Estêvão Congro. Ele enfatiza que o

Grupo RCN acredita que 2021 será um ano de retomadas.

Entre as ações que devem ser realizadas durante o  mês do consumidor, os programas de jornalismo exibidos pelo Grupo RCN vão receber em seus estúdios dezenas de representantes da classe comercial e empresarial. 

Além disso, serão elaboradas matérias especiais mostrando o potencial do comércio em cada uma destas cidades onde a empresa atua. Serão abordados ainda os desafios para o setor de varejo, matérias vão trazer histórias de superação de empresários e microempresários nestas localidades, e as ferramentas que os comerciantes têm para alavancar os negócios.

 

Deixe seu Comentário