Rádios On-line
7924
Prefeitura Folclore 14 a 180819

Corpo de bombeiros registrou 64 queimadas neste ano

A grande maioria das ocorrências é de queimadas em terrenos baldios

3 AGO 2012 - 14h:29Por Cláudio Pereira

A umidade relativa do ar está abaixo dos 30% em Três Lagoas. O indicado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para que se tenha boa qualidade de vida, é de no mínimo 60%. O tempo seco, além de fazer mal à saúde, principalmente daqueles que sofrem com doenças respiratórias, é propício para que as queimadas irregulares alastrem-se facilmente e deixem o tempo ainda mais seco e poluído.

Somente neste ano, o 5º Grupamento de Bombeiros registrou 64 ocorrências de queimadas no município. A grande maioria (54) em terrenos baldios onde lixo e mato são destruídos pelas chamas. Estima-se que o número de casos deva ser maior entre os meses de setembro e janeiro, época mais quente e seca.

O caso mais recente de queimadas em terrenos baldios aconteceu ontem, próximo à segunda lagoa. Um carro, que estava próximo ao local, teve a pintura danificada pelas chamas.

O número de queimadas já registrado neste ano, contudo, pode ser bem maior, segundo o Corpo de Bombeiros. Isso porque a Secretaria Municipal de Meio Ambiente também registra esses focos. Porém, a secretaria disse que o número de casos registrados neste ano é insignificante. Ela informou ainda que devido à queda no número de casos de queimadas a secretaria ainda não elaborou ações preventivas para a população.

TEMPO

O tempo deve continuar seco nos próximos dias no município. De acordo com o meteorologista da Anhaguera-Uniderp, Natálio Abrão Filho, a umidade prevista para Três Lagoas nos próximos 15 dias é de 26%. Nesse período, não há previsão de chuva.

SAÚDE

A baixa umidade do ar exige cuidados com a saúde, principalmente para as pessoas que já têm ou tiveram sintomas de doenças do aparelho respiratório. Ao sentir qualquer problema, o paciente com quadro prévio de doenças como asma, bronquite ou alergias respiratórias deve procurar uma unidade médica para receber o atendimento adequado.  Vale lembrar que a seca também piora alguns outros quadros, como dermatites, psoríase e até hipertensão. 

O Ministério da Saúde (MS) aconselha como medida essencial para a saúde de todas as pessoas a ingestão de muita água e outros líquidos. Em média, deve-se beber dois litros de água por dia. As pessoas idosas precisam estar mais atentas ao consumo de líquidos durante os períodos de baixa umidade.

Além de tomar bastante água, as pessoas devem manter o ambiente de suas casas ventilado e com entrada para o sol. Sem ventilação, os vírus das doenças respiratórias, como o da gripe, propagam-se com mais facilidade. Já os raios do sol matam os ácaros, insetos invisíveis a olho nu que podem provocar alergias.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
7300