Rádios On-line
SHOW DE PRÊMIOS TONHÃO
DATERRA QUER ALUGAR MOBILE
PRESSÃO CONTÍNUA

Crescimento da população infantil faz secretaria construir e projetar novos CEIs

Estrutura de atendimento da rede municipal de educação dará prioridade à pré-escola para atender forte demanda

7 DEZ 2019 - 08h:00Por Ana Cristina Santos

Por dia, em média, Três Lagoas ganha 5,4 novos moradores recém-nascidos. Somente neste ano,  segundo dados parciais da Secretaria Municipal de Saúde, a cidade contabiliza o nascimento e registro de 1.764 crianças - o equivalente a 162,7 por mês. No ano passado, conforme dados da secretaria, houve 1.953 nascimentos na cidade. 

O número de novas crianças causa reflexos principalmente na área da educação e força o município a contratar pessoal e construir mais prédios de CEIs (centros de educação infantil) para atender a demanda de alunos de quatro meses a três anos de idade.  Atualmente, o município tem quase mil crianças nessa faixa etária que não conseguiram vagas em 2019.

Em nota, a Secretaria de Educação disse que vem se preparando para acolher os “novos três-lagoenses com qualidade” e que a Reme (Rede Municipal de Ensino) está se adequando para priorizar a pré-escola e, assim, criar mais vagas nos CEIs para crianças de zero a 3 anos e 11 meses de idade. 

Além das adequações,  segundo a secretaria, o município tem ampliado o número de vagas nos CEIs já  existentes, com a construção de novas salas, e construído outras unidades, como é o caso do Centro de Educação Infantil do bairro Novo Oeste, que tem capacidade para atender 200 crianças nessa faixa etária, e outros dois previstos para serem entregues no final do ano de 2020 (Flores e Acácias), com mais 400 vagas.

O número de crianças sem acesso ao ensino infantil tem sido alvo de discussões das reuniões do grupo Integra Costa Leste - formado por lideranças de 11 municípios da região - que debatem e buscam soluções para setores públicos.
Segundo Terezinha Bazé, coordenadora de debates sobre educação, do grupo, foi sugerida a realização de um mini censo para apuração da taxa de natalidade e do número de crianças que frequentam atualmente as unidades escolares. 

CARTÓRIO
O número de crianças nascidas e registradas no Cartório  do 2º Ofício de Três Lagoas é maior, já que nem todos recém-nascidos  em Três Lagoas residem na cidade. Em 2019, até esta quinta-feira (6), o cartório havia registrado 1.852 crianças, e no ano passado, 1.990. Os números equivalem a 5,1 registros por dia.

Mato Grosso do Sul, em relação a 2017, apresentou redução no número de nascimentos registrados em 2018 (-1,2%). Os dados foram divulgados nesta semana pelo IBGE e são estatísticas do Registro Civil relativas ao ano de 2018.

Deixe seu Comentário

Mailson Interna RCN

TVC Canal 13