Rádios On-line
8056
Prefeitura Nome Limpo
CONFUSÃO

Crianças trocadas em creche assusta famílias e faz prefeitura reforçar cuidado

Secretaria de Educação declarou que vai cobrar cuidado necessário com estudantes da rede

4 AGO 2017 - 17h:05Por Tatiane Simon

O desaparecimento de uma criança, na tarde desta quinta-feira (3), causou repercussão nas redes sociais e grande confusão entre duas famílias. Isso porque uma criança foi levada para casa por engano de quem a buscou. Parece história de novela, mas o que ocorreu no Centro Educacional Infantil (CEI) Santa Luzia virou até caso de polícia, tamanha a seriedade e fez com que a Secretaria Municipal de Educação se comprometesse a tomar medidas mais urgentes com relação à segurança dos alunos da rede.

A reportagem do JPNEWS entrou em contato com uma dessas famílias que esclareceu a confusão. Segundo Lydia Fernanda Bemiz, mãe de Maria Eduarda, como todos os dias, ela foi até à creche, que fica ao lado da casa dela, para buscar a filha. Mas ao chegar lá, a criança não estava no prédio.

 “Cheguei lá e a moça [funcionária] disse que minha filha já tinha ido embora. Procuramos por ela por toda a parte, mas não a encontramos. Voltei em casa, liguei para minha sogra, perguntei se ela ou alguém tinha pego ela, e nada. Voltei na creche, não tinha mais nenhum responsável lá e foi quando começou a saga pela procura dela”, conta a mãe com a filha já nos braços nesta sexta-feira, 4, à reportagem.

Sem notícia, a família acionou a Polícia Militar e publicou em redes sociais a situação. E, felizmente, em poucas horas a garota apareceu e todo o mistério foi desvendado: uma outra Maria Eduarda que também frequenta esta creche e que tem características parecidas foi levada pelo tio de terceiro grau dessa outra Maria Eduarda. O senhor, responsável pela troca das meninas, tem pouco contato com a garotinha e foi, de favor à família, busca-la e quando os funcionários da creche chamaram por Maria Eduarda, é que houve a troca das crianças e ele não se deu conta. Além da pouca convivência com a criança, o senhor também tem problema de visão e não estava usando os óculos naquele momento.

O ocorrido serviu de alerta aos pais de Maria Eduarda que vão agora cobrar explicação e maior segurança na portaria do CEI.

A reportagem entrou em contato com Prefeitura de Três Lagoas que, por meio de nota, esclareceu que houve um equívoco na saída das crianças no Centro de Educação Infantil do Santa Luzia nesta quinta-feira, 3. Explica também que todas as unidades trabalham com controle de nomes e telefones das pessoas autorizadas para buscar as crianças e a retirada tem de ser feita por esses responsáveis. Sendo assim, a secretaria reforça a importância dos pais ou responsáveis avisarem de possíveis alterações com antecedência.

Em nota, “a direção da unidade CEI Santa Luzia assume a responsabilidade do erro e tomará medidas urgentes e necessárias para a correção dessa falha.

Diante do fato, uma reunião de urgência foi agendada pela Secretária de Educação e Cultura, Maria Célia Medeiros, para esta sexta-feira, com todos os diretores da rede municipal de ensino no intuito de orientar e cobrar o cuidado necessário com os alunos da rede”, afirmou a pasta.

ASSISTA REPORTAGEM:

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13

Ver Todos os Programas da TVC
Dá Negócio
6651