Rádios On-line
TRADIÇÃO

Dia da Bandeira é comemorado com formatura e hasteamento da bandeira nacional

Solenidade ocorreu ao meio-dia desta segunda-feira (19) na 3ª Bateria de Artilharia Antiaérea de Três Lagoas

19 NOV 2018 - 15h:30Por Tatiane Simon

A homenagem ao Dia da Bandeira foi comemorada na 3ª Bateria de Artilharia Antiaérea, de Três Lagoas, com uma solenidade de formatura dos 250 militares em alusão à data. Entre as solenidades também houve a incineração das bandeiras inservíveis, hasteamento da bandeira e canto do hino da Bandeira.

"Hoje é uma formatura alusiva ao Dia da Bandeira, então, todo o efetivo da Bateria estará no pátio de formatura prestando suas homensagens ao símbolo máximo da nação e que está previsto no nosso calendário anual de comemorações", explica o comandante da 3ª Bateria de Artilharia Antiaérea, o Major Nelho da Mata.

O Dia da Bandeira é comemorado quatro dias depois da Proclamação da República desde 1989. Com o fim do período imperial, a bandeira que representava o Império foi substituída. A troca por uma bandeira republicana representa as mudanças que o brasil passava naquele momento. Mudanças na forma de governo e de governar do regime imperial para uma República Federativa.

"A atual bandeira foi criada quatro dias após a Proclamação da República para simbolizar, justamente, a mudança de regime de governo e de regime de Estado e, com isso, foi criada a bandeira que conhecemos hoje", pontua o major.

Entre as atividades da cerimônia, o major destaca a incineração de bandeiras inservíveis, o hasteamento da bandeira do Brasil ao meio dia, conforme tradição, e o perfilamento dos militares. "Nesta cerimônia a gente incinera as bandeiras inservíveis [desbotadas e rasgadas], não apenas as nossas aqui do Exército, mas também de outras instituições que têm o costume de hastear a bandeira e trazem aqui para nós fazermos a incineração. Cantamos o hino da bandeira, os militares perfilam no pátio e realizam esta cerimônia", conclui.

Acompanharam a solenidade autoridades representando a administração municipal, o judiciário, as polícias Civil e Rodoviária Federal, o Rotary Club, setor privado e do sistema penitenciário

Deixe seu Comentário