Rádios On-line
ELEIÇÕES 2018

Eleitores voltam às urnas neste domingo para escolher governador e presidente

Em Três Lagoas, 77,8 mil eleitores estão aptos a votar, no Estado, são 1,8 milhão de pessoas

28 OUT 2018 - 08h:15Por Ana Cristina Santos

Os eleitores sul-mato-grossenses voltam às urnas neste domingo (28) para escolher quem vai governador o Brasil e o Estado. Hoje, será realizado o segundo turno das eleições gerais de 2018, quando mais de 147 milhões de brasileiros vão escolher entre Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL).  Em Mato Grosso do Sul, a escolha será entre o juiz federal aposentado Odilon de Oliveira (PDT) e o atual governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

O horário de votação será das 8h às 17h.

Em Mato Grosso do Sul, 1,8 milhão de eleitores estão aptos a votar. Em Três Lagoas, são 77.800. Seguindo as estatísticas de anos anteriores, em Três Lagoas, no Estado, bem como em todo o Brasil, em 2018, as mulheres vão decidir quem será eleito. O eleitorado brasileiro feminino corresponde a 52,50% do total de votantes.

ODILON

O candidato do PDT tem 69 anos, e disputa pela primeira fez uma eleição. Ficou conhecido nacionalmente pelo trabalho no combate ao crime organizado na fronteira com o Paraguai. Ameaçado de morte após mandar prender traficantes como Fernandinho Beira-Mar, dormia no fórum e ganhou proteção policial. Virou tema de filme e se aposentou no ano passado. No primeiro turno teve 408.969 votos.

REINALDO

O candidato do PSDB tem 55 anos, foi prefeito de Maracaju por dois mandatos, de 1996 a 2004. Em 2006, foi eleito deputado estadual e, em 2010, deputado federal. Em 2012, disputou a Prefeitura de Campo Grande, ficando em terceiro lugar. Em 2014, foi eleito governador com 741.516 votos. No primeiro turno das eleições deste ano, obteve 576.993 votos. Azambuja é agropecuarista, em 1992 assumiu os negócios dos pais.

HADDAD

Fernando Haddad tem 55 anos e é professor universitário, autor de cinco livros, bacharel em Direito com especialização na área Civil, mestre em economia e doutor em Filosofia. Ex-prefeito de São Paulo, e ex-ministro nos governos petistas, Haddad se lançou na campanha presidencial deste ano com o objetivo de recuperar o eleitorado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiba, e levar o PT de volta ao poder.

BOLSONARO

Capitão reformado do Exército, Jair Bolsonaro, tem 63 anos, e disputa pela primeira vez a Presidência da República. Está no sétimo mandato como deputado federal. Seus quase 30 anos na Câmara foram pautados pela adoção de um discurso radical. Defensor árduo do que ele chama de moral e pátria, Bolsonaro é um político que acumula amor e ódio de milhares de brasileiros.

Deixe seu Comentário