Rádios On-line

Em apenas dois meses, cidade registra quase mil casos de dengue

A cada semana, o número vem aumentando

28 FEV 2013 - 08h:57Por Redação

Do início do ano até agora, a Secretaria Municipal de Saúde registrou 975 casos notificados de dengue em Três Lagoas. A cada semana, o número vem aumentando. De acordo com o boletim epidemiológico, referente à semana 7, que compreende até o dia 16 de fevereiro, a cidade contabilizava 670 casos notificados. Já no divulgado nesta semana, que inclui até o dia 23 de fevereiro, o município já tinha registrado 975 casos suspeitos. Tudo indica que o mês de fevereiro deve ser fechado com um número maior de casos.

Desse total, a Secretaria Municipal de Saúde informou que 57 foram confirmados laboratorialmente como positivos e 73 descartados. Entretanto, esse número deve ser maior, já que esses dados são referentes apenas ao dia 16 de fevereiro. “A coleta para a confirmação de exame em laboratório é feita com anticorpo. Por essa razão, só a partir do sétimo dia é que poderemos coletar os exames de sorologia para a dengue”, explicou a diretora do Departamento de Saúde Epidemiológica, Neide Yuki, esclarecendo o fato de ainda não ter o total de casos confirmados em relação ao último boletim.
Em razão das últimas chuvas, a diretora informou que houve um aumento no número de casos notificados de dengue, no mês de fevereiro. Para evitar um registro ainda maior, a Secretaria de Saúde vem intensificando os trabalhos no combate ao mosquito transmissor da doença.

Segundo Neide, os agentes comunitários de saúde e de endemias continuam desenvolvendo os trabalhos de rotina juntos aos moradores, solicitando que retirem de seus quintais depósitos que sirvam para criação do mosquito Aedes Aegypti. Paralelamente a isso, uma equipe do Departamento de Infraestrutura passa recolhendo esse material. 
Em razão da quantidade de notificações, desde a semana retrasada foi iniciado um trabalho com a UBV pesada (o fumacê), a fim de atingir um número maior de quarteirões para diminuir o índice do vetor da dengue. “Pedimos a colaboração da população para que, quando passar esse veículo, todos abram as portas e janelas de suas residências para o inseticida entrar nas casas”, solicitou.  

A diretora ressaltou que é importante a colaboração da população no combate à dengue. “Os agentes têm encontrado muitos depósitos nos quintais das residências que servem de criadouros para o mosquito. Se isso continuar a acontecer, sempre haverá focos, principalmente nesse período de chuvas”, frisou.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13