Rádios On-line
TRêS LAGOAS

Em fase de venda, Eldorado Brasil não prevê demissões

Mesmo na iminência de ser vendida, Eldorado diz que não há previsões de desligamentos

26 JUL 2017 - 16h:03Por Ana Cristina Santos

Funcionários da Eldorado Brasil de Três Lagoas vivem momento de apreensão com a venda da fábrica, que deve ser concretizada até o próximo mês.  A reportagem recebeu informações de que alguns funcionários teriam sido demitidos nos últimos dias.

A Eldorado, no entanto, informou ao JPNEWS que não tem previsão de desligamentos atualmente. Em nota, a empresa esclarece que “seu quadro funcional é compatível com o nível de operações e que todas as movimentações de pessoas estão alinhadas com a estratégia do negócio”.

A companhia enfatiza ainda que conquistou sucessivos recordes ao longo de 2017, o que sinaliza a alta performance de seus profissionais à frente da maior produtora de celulose em linha única do mundo, com ritmo de produção de 1,7 milhão de toneladas anual.

Quanto ao acordo de confidencialidade entre sua controladora, a J&F, e a empresa chilena Arauco, a Eldorado diz que não comenta negociações em curso.

A venda da fábrica pode se concretizar nas próximas semanas, quando a Arauco deve concluir auditoria nos ativos da Eldorado.  O levantamento que as empresas contratadas pelos chilenos está fazendo deve durar até 3 de agosto.

A Arauco já teria oferecido R$ 14 bilhões pela compra da Eldorado. A Fibria, por sua vez, só está aguardando a conclusão do acordo de confidencialidade assinado entre os chilenos e a Eldorado, para oferecer sua proposta de compra da fábrica.

 

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13
  • Programas: