Rádios On-line
BOLETIM

Em Três Lagoas, 55 moradores são notificados com suspeita de chikungunya

Pacientes apresentaram diagnóstico da doença e fizeram exame laboratorial

26 NOV 2018 - 17h:03Por Tatiane Simon

Novo boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde aponta que 55 moradores de Três Lagoas foram notificados com suspeita de febre chikungunya. O levantamento se refere entre o mês de janeiro até a quinta-feira passada, dia 22. A quantidade de casos gera alerta à saúde pública do município, pois o número já é três vezes maior que o registrado no ano passado.

Conforme o boletim, em 2017 foram notificados 17 casos e 13 no ano anterior. Em 2018, o número de casos suspeitos já é 55. Seis deles tiveram o diagnóstico confirmado a partir de exame laboratorial e os demais foram descartados pela Secretaria de Saúde do Estado.

No ano passado nenhum dos 17 casos suspeitos foram confirmados. Em 2016, apenas uma pessoa foi vítima da doença, conforme o relatório.

A equipe do Setor de Endemias destacou que tem intensificado campanhas em bairros de para combater a proliferação do mosquito Aedes Aegypti, como também promover a eliminação dos criadouros.

A chikungunya é transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti. Os principais sintomas são: febre repentina; dores nas articulações; dor de cabeça; dor muscular; náusea e manchas avermelhadas na pele.

Deixe seu Comentário