Rádios On-line

Escolas municipais distribuirão 3.177 netbooks para alunos

A previsão é para que até o final deste 1º semestre todos os computadores sejam entregues

16 ABR 2013 - 07h:56Por Arthur Freire/JP

A Secretaria Municipal de Educação, através do programa “Um Computador por Aluno” (Prouca), distribuirá aproximadamente 3.177 netbooks nas escolas da rede municipal, entre alunos do 1º ao 9º ano do Ensino fundamental. Segundo o coordenador de área de Programas e Projetos Educacionais, Urbano Rodrigues Azambuja, a previsão é de que até o final deste semestre os computadores já tenham sido entregues. “Até o final deste semestre, queremos que todas as escolas já tenham os computadores devidamente instalados para atender e maximizar os estudos dos alunos”, disse.

De acordo com Urbano, para realizar as entregas é preciso que, primeiro, seja feita a parte de infraestrutura nas escolas. “Os computadores foram adquiridos desde o ano passado, mas, infelizmente, não depende só de nós a entrega deles. De fato, as escolas ainda não estão preparadas para receber essa grande quantidade de computadores e estamos aguardando para que a parte de infraestrutura, isto é, parte elétrica e implantação de rede de internet, sejam feitas. Estamos redobrando esforços para que isso seja feito o mais rápido possível”, informou.

Também serão entregues nas escolas cerca de 50 armários especiais para o armazenamento e recarga elétrica de até 80 netbooks, além de mesinhas para o transporte seguro dos computadores até as salas de aula.

Programa
Lançado no Brasil em 2005, o Prouca tem como objetivo ser um projeto Educacional, com a utilização de tecnologia, a inclusão digital e o adensamento da cadeia produtiva comercial no Brasil. Através do projeto, cada aluno das escolas de redes públicas de ensino estadual, distrital ou municipal tem a aquisição de um computador portátil novo, com conteúdos pedagógicos, destinados ao desenvolvimento dos processos de ensino-aprendizagem.

Segundo Urbano, ainda não será possível que o programa beneficie todos os alunos da rede pública de Três Lagoas. “Fizemos a adesão ao Programa em 2011, mas a quantidade exata do número de alunos a serem beneficiados pelo Programa é sempre obtida através do Censo Escolar do ano anterior da adesão. E com isso, infelizmente, ainda não foi possível obter um computador por aluno, devido à liberação desses computadores ter sido feita com base no Censo Escolar de 2010, segundo o qual o número de alunos era bem inferior ao atual, que é de 8.246 alunos matriculados do 1º ao 9º ano”, explicou.

Investimento
Segundo Urbano, para aderir ao programa, a Prefeitura fez um financiamento através da Caixa Econômica Federal para a aquisição dos computadores. “Ao todo, foram investidos cerca de R$ 1,1 milhão, para o financiamento que será pago durante alguns anos pela Prefeitura”, comentou.

Conteúdo 
Sobre o conteúdo dos computadores, Urbano ainda disse que será tudo controlado e conectado aos computadores dos professores. “Os professores serão capacitados para ministrar as aulas através desse novo recurso, a fim de controlar todo o conteúdo. O professor também poderá “congelar” os computadores em uma única página, além de também bloquear conteúdos proibidos”, informou.

Deixe seu Comentário

TVC Canal 13