Rádios On-line
nova estrela mobile
OPORTUNIDADE

Coaching dá dicas de como alavancar a carreira profissional em 2020

Estar sempre disponível para aprender e buscar qualificação são fundamentais para crescer

1 JAN 2020 - 07h:30Por Kelly Martins

Quem não quer ser promovido no emprego, ganhar status e ser mais bem remunerado? Com certeza é o sonho de muita gente. Mas para alavancar a carreira é preciso, além de muita força de vontade, se dedicar e se qualificar. Estar sempre disponível para aprender e encontrar formas de se diferenciar são fundamentais para conquistar metas, segundo a coaching de carreira Edilene Camargo.

Em uma entrevista especial, a especialista que também é psicóloga deu dicas para o crescimento profissional e também orientações, como se portar nas redes sociais e criar o marketing pessoal. Confira abaixo:
 

JPNEWS - O que o profissional precisa fazer para não ser mais do mesmo?

Coaching – Nesse começo de ano precisamos estar abertos às mudanças. Esquecer o que se passou, principalmente, em relações às comparações entre as empresas que já trabalhou. Isso porque as empresas estão mudando assim como cenário econômico. Se não estiver aberto para o que a empresa está se propondo, fica mais complicado para o profissional. Porque muitas vezes o cargo que o funcionário ocupa também poderá ser mudado e aí uma nova oportunidade poderá surgir. O profissional precisa estar preparado para assumir novos postos.

JPNEWS – Isso implica também aos profissionais que estão há muito tempo em uma empresa, por exemplo?

Coaching – Com certeza. Mesmo porque as empresas estão em plena mudança e alguns cargos estão sendo remanejados. Algumas funções até somem e não dão continuidade. Mas para alavancar a carreira, o profissional não pode apenas ficar na empresa sendo um bom profissional. Mas estar em processo de desenvolvimento, verificar aonde precisa melhorar. Fazer cursos e se preparar para novos postos.

JPNEWS -  O setor industrial ainda é o que gera e continuará gerando mais empregos na região?

Coaching – A maioria das vagas é concentrada nas indústrias ainda. A área industrial ainda é forte, porém, com a chegada do shopping e de mais empresas no setor comercial, Três Lagoas assume um cenário diferente. Então a cidade passa oferecer, agora, também oportunidades para às pessoas que gostam de vendas, da área de marketing, de contato com o público. São grandes empresas que estão se instalando do setor comercial e, com isso, novas oportunidade de emprego.

JPNEWS - Os cursos técnicos ainda são os mais requisitados ou valorizados pelas empresas?

Coaching – Eu acredito que temos uma vasta demanda de cursos técnicos. Uma demanda positiva ainda no setor industrial, com muitos cursos na área e um fluxo grande de pessoas. Mas percebemos que, mesmo aqueles que já fizeram cursos técnicos, não estão parando. Também há uma demanda grande de pessoas caminhando para o nível universitário. Porque o técnico prepara o profissional para atender uma demanda de forma mais rápida. O curso de formação acadêmica dá uma visão de gestor para seguir carreira.

JPNEWS -  Sobre marketing pessoal. Como fazer de forma correta?

Coaching – Temos uma grande preocupação com isso. Há muitas pessoas que acham que estar em evidências nas redes sociais, por exemplo, é fazer marketing pessoal. É preciso vender a imagem de uma forma séria, ética, com responsabilidade. A primeira dica é manter bons relacionamentos. Estar alinhando com o real cenário do mundo, conhecer informações do mercado. Também avaliar: será que hoje você não tem mais contato com pessoas que são importantes para a sua carreira?

JPNEWS - As empresas deixam de contratar ou até mesmo elevar o cargo do funcionário pela opinião nas redes sociais?

Coaching – Hoje muitas empresas procuram profissionais pela rede social. Inclusive uma dica: há empresas que monitoram os seus profissionais pelas redes sociais. Porque de repente o que o funcionário comenta também pode refletir na imagem da empresa. E isso é uma preocupação que as pessoas precisam ter.

JPNEWS – O que se cobra mais hoje: formação ou experiência ?

Coaching – Eu diria que sempre deve se ter equilíbrio. Nenhuma empresa quer um profissional só com experiência e com pouca base de formação técnica. Ou vice e versa. O mercado atual está mais flexível.  Hoje as empresas estão buscando jovens, pessoas que tem mentalidade de carreira moderna. Mas óbvio que se não tiver uma boa experiência precisa ter uma formação.  

JPNEWS - Quais as profissões e cargos que estarão em alta em 2020?

Coaching – Hoje nós estamos em um processo de transformação e evolução. Naturalmente que a área de tecnologia vem crescendo muito em todos os sentidos e em todos os lugares. Temos as pessoas que trabalham com drone, como operador, por exemplo. Em muitas industrias, áreas de florestas, já se tem esse profissional. Área de engenharia, não só na construção civil. Área de gestão de pessoas.

Deixe seu Comentário

DATERRA QUER ALUGAR MOBILE

TVC Canal 13